A Sabedoria da Kabbalah

Página 2 de 3 Anterior  1, 2, 3  Seguinte

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Ir em baixo

Geburah

Mensagem por Malklord em Sex Set 11, 2015 8:06 pm




Gevurah
Severidade

Geburah
Geburah é a quinta Sephirah da Árvore da Vida.
Título: Geburah, Força, Severidade. (Em hebraico: Gimel, Beth, Vau, Resh, Hé.)

Imagem Mágica: Um poderoso guerreiro em seu carro.

Localização na Árvore: No centro do flar da Severidade.

Texto Yetzirático: 0 Quinto Caminho chama-se Inteligencia Radical, porque se assemelha à Unidade, unindo-se a Binah. Entendimento, que emana das profundidades primordiais de Chokmah, Sabedoria.

Títulos Conferidos a Geburah: Din (justiça); Pachad (medo).

Nome Divino: Elohim Gebor.

Arcanjo: Khamael.

Coro Angélico: Seraphim, Serpentes de Fogo.

Chakra Cósmico: Madim, Marte.

Experiência Espiritual: Visão do poder.

Virtude: Energia, coragem.

Vício: Crueldade, destruição.

Correspondência no Microcosmo: 0 braço direito.

Simbolos: 0 pentágono. A Rosa de Tudor de Cinco Pétalas. A espada. A lança. 0 açoite. A corrente.

Gevurah é a palavra Hebraica para julgamento ou severidade,

Geburah é Força, luta, empenho e ação. As palavras que a definem são coragem, destemor, iniciativa e capacidade de liderança. Por isso todos os arquétipos ligados a essa esfera de atuação são os soldados, os gladiadores, os aventureiros, e todos os que personificam os guerreiros, incluindo os atletas. Nas artes marciais, ensina-se também o lado espiritual da luta e da vitória, que é a essência de Geburah. Sob o ponto de vista do Eu Superior, Geburah utiliza o princípio de uma avaliação severa da personalidade. Geburah apresenta o aspecto catabólico da força, ou seja, aquele aspecto de todo o procedimento vital que se relaciona com a liberação da energia.
Existem títulos que são atribuídos à Geburah, e eles contém, em si, os aspectos de dualidade dessa esfera da Árvore da Vida : severidade, justiça, força e poder. A séfira de Geburah pode revelar que, com um julgamento mental correto e uma ação positiva, é possível concretizar algo desejado. Por essa razão, ela não pode ser analisada sem levar em conta a séfira oposta : Chesed. Cabe a cada um de nós "Agir", palavra relativa à Geburah, para que qualquer dificuldade seja superada. Mas uma ação, sem considerar o que é necessariamente justo, termina em guerra. E durante a vida nos deparamos com as batalhas pessoais e as guerras coletivas, tudo sob a ação desconsiderada de Geburah. Daí a necessidade de equilibramos nossas atitudes através dos conceitos da séfira oposta que é Chesed.

Para a Mitologia greco - romana, é Marte, o deus da Guerra, quem desempenha o papel do mito nessa séfira. Nas guerras da Antigüidade, ele era colocado como um símbolo nas bigas que iam à frente dos combates. Para os celtas, é Sir Lancelot, o guerreiro do Rei Arthur. É Horus para a Mitologia Egípcia. Os cristãos ligam as figuras de Joanna D´Arc e São Jorge à esta séfira. O planeta Marte, considerado o arquétipo do pioneirismo, do guerreiro e da força, é associado a Geburah. Marte não é estagnado. Marte é ação, desempenho e luta. Somente um Marte mal aspectado numa carta astrológica vai fazer uma pessoa fraca e sem iniciativas.

Correspondências


Palavras Finais
Geburah - Fortaleza

Encontra-se no centro do pilar da Severidade (Rigor), logo abaixo de Binah.
Equilibrando-se com Chesed (que fica a sua direita) , formam a força motriz da realidade manifesta.
É uma sefirah de grande poder e força; e essas características formam as suas virtudes. Naturalmente se levadas ao extremo, tornam-se crueldade e destruição, que são seus aspectos negativos.
Podemos dizer que o quinto caminho representa o Deus do criador, que aplica a disciplina e precisão em governar, e tem 'braço" pra remover os elementos não desejados ou desnecessários. Na sua imagem mágica fica bem expressa essa sua característica: um poderoso rei , em tempo de guerra, defendendo seu território.
O poder dessa esfera se manifesta e age sempre de acordo com o que deve ser feito, haja o que houver,sem cogitar as consequências; É a fonte de energia para a justiça, o controle, o domínio sobre os impulsos.
Tudo que se refere a Geburah, dá-se no nível dos instintos, no plano das sensações.
Se não for controlada a energia desta sefirah, pode levar o homem a uma situação de retração total em si mesmo, podendo ser fonte para o ódio e o medo.
É nessa esfera que que o ser humano encontra a força e a habilidade de superar sua natureza e aprende que às vezes é necessário sofrer certas dificuldades que mudam nossas vidas, nosso caráter.
Essa esfera canaliza energia espiritual para superar obstáculos e atingir objetivos específicos, e é a força essencial para realizarmos nossa principal missão nesta vida: transformar a nossa natureza.



_________________
Malklord:: M.'.I.'.P.'.A.'.

Ominia in Unum

kabbalah, esoterismo , qliphoth , magia , ocultismo , celtas , força , wicca , verdade , ocultismo, occultismo, alquimia, sol, lua, astrologia, planetas, filosofia, sabedoria, busca, conhecimento, astrum argentum, arcanum arcanorum, hermetismo, religiões, cura, candomblé, umbanda, exu, orixás, anjos, demônios, deuses, forças da natureza, judeus, cristãos, Cristo, fogo, água, terra, ar, yin, yang, existencia, daemon, goetia, luz, escuridão, opostos, darkness, light, sun, moon, angels, michael, gabriel, rafael, adonai, mente, estudo, ciencia, meditação, force, grimoire, sabaoth,cernunos, mabon, graal, calice, arthur,artur,hermes,hermetico, alquimia, alchemy, pedra, filosofal, arcano, eliphas, levi, saint germain, fraternidade branca, sociedade teosifica, yggdrasil,ayahuasca, plantas de poder, Runas, rune, power, poder, hebraico, grego, grecia, roma, igreja
avatar
Malklord
Admin

Mensagens : 304
Data de inscrição : 15/08/2014

Ver perfil do usuário http://www.aemaeth.org

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: A Sabedoria da Kabbalah

Mensagem por Malklord em Sab Set 12, 2015 4:56 pm

Chessed




Chesed é a quarta Sephirah da Árvore da Vida.
Definição
Título: Chesed, Misericórdia. (Em hebraico: Cheth, Samech, Daleth.).

Imagem: Um poderoso rei coroado, sentado em seu trono.

Localização na Árvore: No centro do Pilar da Misericórdia.

Texto Yetzirático: 0 Quarto Caminho chama-se Inteligência Coesiva ou Receptiva, porque contém todos os Poderes Sagrados, dele emanando as virtudes espirituais com as suas essências mais requintadas. Tais poderes emanam uns dos outros por virtude dá Emanação Primordial, a Coroa Mais Elevada, Kether.

Títulos Conferidos a Chesed: Gedulah. Amor. Majestade.

Nome Divino: El.

Arcanjo: Tzadkiel.

Coro Angélico: Chasmalin.

Chakra Cósmico: Tzedek, Júpiter.

Experiência Espiritual: Visão do amor.

Virtude: Obediência.

Vícios: Fanatismo. Hiprocrisia. Gula. Tirania


Chessed é a palavra Hebraica para misericórdia; Localiza-se na árvore, no centro do pilar da misericórdia, ao lado de Gevurah. o ramo direito da Árvore de Deus ( o braço direito ) é o simbolo associado com Chessed. Os nomes de Deus associados com Chessed são El, o El-yon, ou Supremo Deus.
Esta séfira é considerada como a Preservadora. Ela protege aquilo que o Grande Pai gerou, com generosidade e equilíbrio. Controla a Ação de Gevurah, continua a obra de Chockmach e vislumbra o futuro. Por essa razão, Chessed é considerada como uma das fases da Criação, pois aquele que não tem um sonho e uma visão do porvir, perde a capacidade de criar.

É aqui que a consciência se eleva e recebe a inspiração da séfira que trabalha no plano da forma. Por isso, sua relação com a expansão. A benevolência e a misericórdia estão intrinsecamente ligadas ao plano de Chessed. Mas a obediência também tem seu lugar aqui, já que a expansão e a independência sem a obediência às leis cósmicas levam ao caos. Temos ouvido muito falar do Quarto Caminho e da Quarta Dimensão. Essa esfera de número 4 mostra que só chegaremos a isso com uma base sólida, organizada para o bem comum. Sem a extensão de Chessed não será possível. Pois ela é a séfira que nos mostra o caminho da prosperidade em todos os níveis. Mas só realizaremos esse ideal quando a humanidade chegar à compreensão dessa esfera do conhecimento, usando os recursos da natureza e derramando essas virtudes para todos. Chessed representa os 4 elementos de equilíbrio com sua força anabólica de construção.

O quarto caminho é o da misericórdia, da verdadeira caridade. É um princípio orientador de amor e bondade. Expressa a compaixão do criador. Na terra representa a vontade de viver e a vontade de amar, o amor , a fé , a felicidade, o caminho do bom pastor, da caridade, do carisma altruísta.
O amor é o mais poderoso e necessário componente da vida. É a origem e o alicerce de todas as interações humanas. É tanto dar como receber. Permite que alcancemos acima e além de nós mesmos; permite que sintamos a outra pessoa e que a outra pessoa nos sinta. É a ferramenta pela qual aprendemos a vivenciar a mais elevada realidade: D'us.

Chessed representa o total Desejo de Compartilhar. É o doar incondicionalmente, o estender a mão (por isso em nosso corpo se relaciona com o braço direito); é o fluxo de energia que se expande abundante e incontrolavelmente, por isso é considerada a mais expansiva das Sefirot.
É o ponto de encontro da ação e reação entre Logos e a humanidade.

A virtude desta esfera é a obediência, que não constitui uma falta de iniciativa, mas, sim uma representação absoluta da vontade divina. A vontade de Deus é a vontade do mestre, que se torna então somente cumpridor da lei.

A obediência em seu lado extremista, leva ao exagero, ao fanatismo, a tirania. (que são as suas características negativas)
Chessed sem equilíbrio pode ser, por exemplo alguém que lamenta mais pelo criminoso do que pela vítima; é o homem pobre que ganha na loteria e dá cada centavo de sua nova fortuna para caridade e deixa a própria família pobre. Desenfreada, Chessed doa até quase machucar. Felizmente, tem uma contraparte de equilíbrio, a Sefirá de Gevurah.

É o estado de consciência dos Mestres de sabedoria, cuja função é transmitir a vontade divina, o que realizam telepaticamente aos discípulos.

O Arcanjo desta sefirá é Tzadkiel, O Justo e Benevolente em Deus,

A Experiencia espiritual atribuída a Chessed é “A visão do Amor”

E o Texto Yetzirático diz que: O Quarto Caminho chama-se Inteligência Coesiva ou Receptiva, porque contém todos os Poderes Sagrados, dele emanando as virtudes espirituais com as suas essências mais requintadas. Tais poderes emanam uns dos outros por virtude dá Emanação Primordial, a Coroa Mais Elevada, Kether.

Pois o amor é transcendência.




_________________
Malklord:: M.'.I.'.P.'.A.'.

Ominia in Unum

kabbalah, esoterismo , qliphoth , magia , ocultismo , celtas , força , wicca , verdade , ocultismo, occultismo, alquimia, sol, lua, astrologia, planetas, filosofia, sabedoria, busca, conhecimento, astrum argentum, arcanum arcanorum, hermetismo, religiões, cura, candomblé, umbanda, exu, orixás, anjos, demônios, deuses, forças da natureza, judeus, cristãos, Cristo, fogo, água, terra, ar, yin, yang, existencia, daemon, goetia, luz, escuridão, opostos, darkness, light, sun, moon, angels, michael, gabriel, rafael, adonai, mente, estudo, ciencia, meditação, force, grimoire, sabaoth,cernunos, mabon, graal, calice, arthur,artur,hermes,hermetico, alquimia, alchemy, pedra, filosofal, arcano, eliphas, levi, saint germain, fraternidade branca, sociedade teosifica, yggdrasil,ayahuasca, plantas de poder, Runas, rune, power, poder, hebraico, grego, grecia, roma, igreja
avatar
Malklord
Admin

Mensagens : 304
Data de inscrição : 15/08/2014

Ver perfil do usuário http://www.aemaeth.org

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: A Sabedoria da Kabbalah

Mensagem por Malklord em Sab Set 12, 2015 5:20 pm



Binah




Binah é a terceira Sephirah da Árvore da Vida.
Definição
Título: Binah, Entendimento, (Em hebraico: Beth, Yod, Nun, Hé.)

Imagem Mágica: Uma mulher madura. Uma matrona.

Localização na Árvore: No topo do Pilar da Severidade, no Triângulo Supremo.

Texto Yetzirático: A Terceira Inteligência chama-se Inteligência Santificadora, Fundamento da Sabedoria Primordial; chama-se também Criadora da Fé, a suas raízes são o Amém. É a mãe da fé, a fonte de onde emana a fé.

Tftulos Conferidos a Binah: Ama, a Mãe estéril obscura. Aima, a Mãe fértil brilhante. Khorsia, o Trono. Marah, o Grande Mar.

NomeDivino: Jehovah Elohim.

Arcanjo: Tzaphkiei.

Coro Angélico: Aralim, Tronos.

Chakra Cósmico: Shabbathai, Saturno.

Experiência Espiritual: A visão da dor.

Virtude: 0 silêncio.

Vício: A avareza.


Binah, Entendimento

Binah, Entendimento,também chamda de Imah ou Mãe, situa-se no topo da coluna esquerda. Representa a potência feminina do universo, assim como Chokmah representa a masculina, são Positiva e Negativa; Força e Forma. Cada uma encabeça o seu Pilar, Chokmah no topo do Pilar da Misericórdia a Binah no topo do Pilar da Severidade. Poder-se-is pensar que essa distribuição é antinatural; que a Mãe deveria presidir a misericórdia, e a força masculina do universo, a severidade. Mas não devemos sentimentalizar essas coisas. Estamos tratando de princípios cósmicos, não de personalidades; a mesmo os símbolos pelos quais eles são apresentados dão nos boas indicações, se temos olhos para ver. Tradicionalmente, a mãe, o elemento feminino é mais ligada à generosidade e ao amor incondicional. Por isso se torna difícil essa compreensão. Porém, se considerarmos o feminino e o masculino como Energia, então essa compreensão ficará mais acessível. A energia de Chockmach é pura vazão e, portanto, sem restrições. Só nesse sentido ela é irrestrita e, portanto, misericordiosa. A feminilidade, ao contrário, é limitada e preservadora, portanto severa.

Binah é o raciocínio e a lógica que definem e dão forma ao "estalo" que vem de Chokmah, transformando-o em pensamento, proporcionando o desenvolvimento mental de uma idéia. É o lado esquerdo do cérebro, o consciente, os processos mentais. Binah interioriza o conteúdo de forma que a informação se torna conhecimento e parte da pessoa.

Quando o pensamento precisa ser manifestado em ação, Chokmah(Sabedoria) e Binah(Entendimento) se encontram, combinam suas energias e transformam informação bruta em conhecimento(Daath).

Binah, a Grande Mãe, chamada às vezes de Marah, o Grande Mar, é, naturalmente, a Mãe de Toda Vida. Ela é o útero arquetípico por meio do qual a vida vem à manifestação. Tudo que fornece uma força para servir a vida como um veículo provém dela. Devemos lembrar, contudo, que a vida confinada numa força, embora seja capaz de organizar-se a desenvolver-se, é muito menos livre do que era quando ilimitada (embora também desorganizada) em seu próprio plano. Incorporar-se numa forma é, por conseguinte, o início da morte da vida. É uma limitação a um encarceramento; uma sujeição a uma constrição. A forma limita a vida, aprisiona-a, mas, não obstante, permite-lhe organizar-se. Do ponto de vista da força livre, o encarceramento numa forma é extinção. A forma disciplina a força com uma severidade sem misericórdia.

O espírito desencarnado é imortal; não há nada nele que possa envelhecer ou morrer. Mas o espírito encarnado vê a morte no horizonte tão logo o dia nasce. Podemos compreender, portanto, quão terrível deve parecer a Grande Mãe quando aprisiona a força livre na disciplina da forma. Ela é morte para a atividade dinâmica de Chokmah; a força Chokmah morre quando conflui para Binah. A forma é a disciplina da força; por conseguinte, é Binah a cabeça do Pilar da Severidade.

Portanto a Experiência espiritual da Sefirah de Binah é a visão da Dor,
Da mesma forma que no sentido descendente, a libertação do egoísmo , o êxodo do Egito exige do iniciado suportar grandes dores , Isto porque a saída da escravidão egoísta é dor de parto, então, eu entendo que eu estou enterrado no meu desejo, em meu ego, como num túmulo, De lá, eu nasço para a Luz, mas só se eu me conectar com outras pessoas vencendo o egoísmo.

Os cabalistas afirmam que Binah é emanada por Chokmah. Traduzamos essa afirmativa em outros termos. Reza uma máxima oculta - que é confirmada pelas pesquisas de Einstein, - que a força jamais se move numa linha reta, mas sempre numa curva tão vasta quanto o universo, retomando eventualmente, por conseguinte, ao ponto de onde proveio, mas num arco superior, visto que o universo progride continuamente. Segue-se, portanto, que a força que assim procede, dividindo-se a redividindo-se a movendo-se em ângulos tangenciais, chegará eventualmente a um estado de tensões equilibradas e a alguma forma de estabilidade - estabilidade que será outra vez perturbada no curso do tempo quando novas forças frescas emanarem na manifestação a introduzirem novos fatores para propiciar o necessário ajustamento. É esse estado de estabilidade - produzido pelas forças interatuantes quando agem a reagem a chegam a um equilíbrio - que é a base da forma, como é exemplificado no átomo, que é nada mais nada menos do que uma constelação de elétrons, cada um dos quaffs é um vórtice ou um remoinho. É a estabilidade assim obtida - a qual, note-se, é uma condição a não uma coisa em si - que os cabalistas chamam de Binah, a Terceira Sephirah. Sempre que existe um estado de tensões interatuantes que produzem a estabilidade, os cabalistas referem esse estado a Binah. Por exemplo, o átomo, sendo, para todos os propósitos práticos, a unidade estável do plano físico, é uma manifestação do tipo de força Binah.

O Séfer Yetzirah diz: A Terceira Inteligência chama-se Inteligência Santificadora, Fundamento da Sabedoria Primordial; chama-se também Criadora da Fé, a suas raízes são o Amém. É a mãe da fé, a fonte de onde emana a fé.
O Texto Yetzirático destaca a idéia da fé, a fé que reside no entendimento, o qual, por sua vez, é filho de Binah. Esse é o único local em que a fé pode repousar adequadamente. Um cínico definiu a fé como o poder de acreditar naquilo que sabemos não ser verdade, a essa parece ser uma definiçáo bastante exata das manifestações de fé tal como aparecem em muitas mentes não-instruídas, fruto da disciplina de seitas carentes de consciência mística. Mas à luz dessa consciência, podemos definir a fé como o resultado consciente da experiência superconsciente que não foi traduzida em termos de consciência cerebral, a da qual, por conseguinte, a personalidade normal não está diretamente consciente, embora, não obstante, sinta-lhe, possivelmente com grande intensidade, os efeitos, a suas reaçôes emocionais são, dessa forma, modificadas fundamental a permanentemente
À luz dessa definição, podemos ver como .as raízes da fé podem de fato residir em Binah, Entendimento, o princípio sintético da consciéncia. Pois há um aspecto formal da consciência, assim como da substância, e consideraremos esse aspecto em detalhes quando estudarmos Hod, a Sephirah básica do Pilar da Severidade de Binah. Vemos, assim, mais uma vez, como as Sephiroth se inter-relacionam, propiciando o esclarecimento de suas vinculações mútuas.
O nome divino atribuído à Binah é Elohim, Criador, dando-nos a confirmação das características organizadoras e formadoras da Realidade Manifesta tal qual podem ser observadas nos primeiros capítulos do Berisht

O Arcanjo desta Sephirah é Tzaphkiel O Observador de D’us, aquele que observa e regula a manifestação.

A virtude de Binah é o silencio, pois dentro de uma sinagoga, na hora da prece calamos. Evitamos conversas e nos concentramos no serviço a D'us. Este silêncio em relação ao meio que nos cerca acaba tornando-se um momento de profunda reflexão e auto conhecimento, em busca de nossa própria essência. Pois desta forma cumpre-se nosso verdadeiro papel: tornar-se um recipiente de bênçãos.


_________________
Malklord:: M.'.I.'.P.'.A.'.

Ominia in Unum

kabbalah, esoterismo , qliphoth , magia , ocultismo , celtas , força , wicca , verdade , ocultismo, occultismo, alquimia, sol, lua, astrologia, planetas, filosofia, sabedoria, busca, conhecimento, astrum argentum, arcanum arcanorum, hermetismo, religiões, cura, candomblé, umbanda, exu, orixás, anjos, demônios, deuses, forças da natureza, judeus, cristãos, Cristo, fogo, água, terra, ar, yin, yang, existencia, daemon, goetia, luz, escuridão, opostos, darkness, light, sun, moon, angels, michael, gabriel, rafael, adonai, mente, estudo, ciencia, meditação, force, grimoire, sabaoth,cernunos, mabon, graal, calice, arthur,artur,hermes,hermetico, alquimia, alchemy, pedra, filosofal, arcano, eliphas, levi, saint germain, fraternidade branca, sociedade teosifica, yggdrasil,ayahuasca, plantas de poder, Runas, rune, power, poder, hebraico, grego, grecia, roma, igreja
avatar
Malklord
Admin

Mensagens : 304
Data de inscrição : 15/08/2014

Ver perfil do usuário http://www.aemaeth.org

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: A Sabedoria da Kabbalah

Mensagem por Malklord em Sab Set 12, 2015 8:58 pm

Hochmah




Título: Chokmah, Sabedoria. (Em hebraico, חכמה: Cheth, Kaph, Mem, Hé.)

Imagem Mágica: Uma figura masculina, barbada.

Localização na Árvore: No topo do Pilar da Misericórdia, no Triângulo Supremo.

Texto Yetzirático: O Segundo Caminho chama-se Inteligência Iluminadora. É a Coroa da Criação, o Esplendor da Unidade, que a iguala. É exaltada sobre todas as cabeças, a os cabalistas a chamam de Segunda Glória.

Títulos Conferidos a Chokmah: Poder de Yetzerah. Ab. Abba. O Pai Supremo. Tetragrammaton. Yod do Tetragrammaton.

Nome Divino: Jehovah.

Arcanjo: Ratziel.

Coro Angélico : Auphanim, rodas.

Chakra Cósmico: Mazloth, o Zodíaco.

Experiência Espiritual: A Visão de Deus face a face.

Virtude: Devoção.

Vício


Hochmah
É a palavra hebraica para Sabedoria. Se Kether é a Coroa, a cabeça da Árvore, o ponto de onde todas as manifestações da divindade emanam, Hochmah é a Linha, que vai conduzir a Sabedoria eterna.

Se Kether é o ponto, o início do Ser, o Eterno Imutável; Hochmah é a linha, o ponto em movimento, o Ser exercendo a capacidade de existir , a criação ativa; enquanto Binah é a criação passiva, capacidade desse Ser "recriar" a vida, modificando a si mesmo, possibilitando a sua Transformação.

A Emanação caracterizada pela natureza do Pai (Abba) é a ramificação da árvore da vida chamada de Sabedoria, que por sua vez é uma representação dos aspectos sintéticos contemplativos do pensamento de D-us; toda realidade concebível se origina e emana deste ponto primordial. O nome de D-us associado com essa Sephirah são as duas Primeiras Letras do Impronunciável Nome de D-us o Yod e o Hey , que resulta em Yah, significando Infinito e Eterno.
Ela é a séfira mais difícil de ser compreendida. Porque ela deriva de um ponto no vazio, e se estende através dessa linha que é, nada mais nada menos, que o ponto que se estende no espaço. Essa linha é essencialmente dinâmica. Podemos considerá-la como um canal por onde passa a energia e/ou um fluxo sem organização. A organização vai se dar em Binah. No nível mais abstrato, trata-se do Pai celestial, enquanto que Binah é a Mãe Celestial. Hochmah representa a idéia de virilidade, enquanto que Binah manifesta a idéia de feminilidade. Hochmah é o impulso de toda a manifestação, enquanto que Kether é a origem.

Hochmah, o topo da coluna direita é Sabedoria, pois é o primeiro recipiente a conter toda a Sabedoria do universo e contém a totalidade da Luz. É o pensamento intuitivo em sua forma mais pura, a intuição, a criatividade, o inconsciente, toda atividade ligada ao lado direito do cérebro.

Hochmah é a Sabedoria do Pensador Supremo, o número dois, a Inteligência Inspiradora, o Segundo Esplendor. Em Hochmah encontramos o instante genial, a centelha, o momento do flash, quando se consegue "tocar" por um ínfimo instante a Sabedoria Universal eterna e imutável, o intelecto divino.

O princípio da bipolaridade, o positivo e o negativo que encerra a potencialidade da criação. O equilíbrio entre os opostos é simbolizado pela cor cinza, a união do Branco, a Luz, o Desejo de Doar e o Negro, ausência completa Luz, a escuridão profunda, O desejo de Receber.

Texto Yetzirático diz: O Segundo Caminho chama-se Inteligência Iluminadora. É a Coroa da Criação, o Esplendor da Unidade, que a iguala. É exaltada sobre todas as cabeças, e os cabalistas a chamam de Segunda Glória.

A sua virtude é a Devoção.

A Experiência Espiritual atribuída a ela é visão de D-us face a face

E o Arcanjo desta Sefirah é Ratziel, o Segredo de D-us.

“Pois os lábios da Sabedoria estão fechados exceto aos ouvidos do Entendimento”.

_________________
Malklord:: M.'.I.'.P.'.A.'.

Ominia in Unum

kabbalah, esoterismo , qliphoth , magia , ocultismo , celtas , força , wicca , verdade , ocultismo, occultismo, alquimia, sol, lua, astrologia, planetas, filosofia, sabedoria, busca, conhecimento, astrum argentum, arcanum arcanorum, hermetismo, religiões, cura, candomblé, umbanda, exu, orixás, anjos, demônios, deuses, forças da natureza, judeus, cristãos, Cristo, fogo, água, terra, ar, yin, yang, existencia, daemon, goetia, luz, escuridão, opostos, darkness, light, sun, moon, angels, michael, gabriel, rafael, adonai, mente, estudo, ciencia, meditação, force, grimoire, sabaoth,cernunos, mabon, graal, calice, arthur,artur,hermes,hermetico, alquimia, alchemy, pedra, filosofal, arcano, eliphas, levi, saint germain, fraternidade branca, sociedade teosifica, yggdrasil,ayahuasca, plantas de poder, Runas, rune, power, poder, hebraico, grego, grecia, roma, igreja
avatar
Malklord
Admin

Mensagens : 304
Data de inscrição : 15/08/2014

Ver perfil do usuário http://www.aemaeth.org

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: A Sabedoria da Kabbalah

Mensagem por Malklord em Sab Set 12, 2015 9:05 pm

Kether



Título: Kether, a Coroa. (Em hebraico, כתר: Kaph, Tau, Resh.)

Imagem Mágica: Um velho rei barbado, visto'de perfil.

Localização na Árvore: No topo do Pilar do Equilíbrio, no Triângulo Supremo.

Texto Yetzirático: O Primeiro Caminho chama-se Inteligência Admirável, ou Oculta, pois é a luz que concede o poder da compreensão do Primeiro Princípio, que não tem começo. É a Glória Primordial, pois nenhum ser criado pode alcançar-lhe a essência.

Títulos Conferidos a Kether: A Existência das Existências. O Segredo dos Segredos. O Antigo dos Antigos. O Velho dos Dias. O Ponto Primordial. O Ponto no Círculo. O Altíssimo. O Rosto Imenso. A Cabeça Que não Existe. Macroprosopos. Amém. Lux Occulta. Lux Interna. He.

Nome Divino: Eheieh.

Arcanjo: Metatron.

Coro Angélico: As criaturas vivas a sagradas. Chaioth ha Qadesh.

Chakra Cósmico: Rashith ha Gilgalim. Primum Mobile. Primeiros Remoinhos.

Experiência Espiritual: A União com Deus.

Virtude: Consecução. A Realização da Grande Obra.

Vício:


Kether é a palavra hebraica para coroa, situa - se no topo da coluna central, logo abaixo do Mundo Infinito (Ein Sof). A coroa normalmente está na cabeça do rei, mas não pertence ao corpo do rei, pertence ao reino. Para cada ação existe um pensamento que a precede. Kether, a coroa, é a semente das manifestações que vão acontecer no mundo físico. É o potencial da manifestação. Está associada à luz, à coroa, ao ponto. O nome de Deus associado com Kether é Eheieh, ou EU SOU. O Mundo da Perfeição, ou Adam Kadmon emana de Kether.

Kether é também, nesse sentido, o ponto acima, ou um nível acima do plano em que nos encontramos, ou acima do plano que queremos nos relacionar. Desta forma, no nível imediatamente superior, Kether é Malkuth da próxima Árvore da Vida do Mundo imediatamente acima. Porque Kether é relacionado às origens. Desta forma, a associação com a Coroa é perfeita, pois essa é aquilo que fica acima da cabeça. O ponto, outro dos símbolos de Kether, é completo em si mesmo, sem dimensões, sem definições externas. É a unidade total, a semente da qual todo o Universo cresce e se expande. Do Ponto de Luz, flui a luz para todo aquele que está no caminho de evolução. Todo o trabalho de oração, meditação ou ritualístico deve começar por uma invocação da Luz superior de Kether. Esse ato produz uma sutil atividade dos planos inferiores. Kether representa o Espírito em Ação. O Um, o primeiro, de onde tudo se origina. A Fonte.

Kether é a inteligência ardente que canaliza a Força da Luz da Criação para as demais Sefiroth. Funciona como um supercomputador que contém o inventário total do que cada um de nós é, alguma vez foi ou será. Como tal, não só é a gênese de nossas vidas neste reino da Terra, mas de todo pensamento, idéia ou inspiração que teremos enquanto estivermos nessa nossa jornada.
Kether é a sefirah de onde emana a Vontade Divina sendo simplesmente o Desejo de Doar. Se direcionando para Binah e Hochmah, a vontade divina inicia sua jornada pelo universo, se diferenciando em matéria, forma e força.

Se consideramos a idéia, ou a vontade de Kether, Divina, podemos considerá-la perfeita, e uma vez que é perfeita, chegamos ao ponto onde toda a criação é baseada em um ideal de perfeição absoluto. Binah é a razão suprema, indicando que o motivo da criação é lógico e perfeito, e é estabelecida por uma sabedoria (Hochmah) suprema baseado na moral perfeita. Temos assim, a Lógica Moral, que é a ideação perfeita.

Seu nome divino é Eheieh, “Eu Sou".

Seu Arcanjo é Metatron, O Príncipe das Faces

O Texto Yetzirático diz: O Primeiro Caminho chama-se Inteligência Admirável, ou Oculta, pois é a luz que concede o poder da compreensão do Primeiro Princípio, que não tem começo. É a Glória Primordial, pois nenhum ser criado pode alcançar-lhe a essência.
Experiência Espiritual: A União com Deus.

“Agora, pois, vemos apenas um reflexo obscuro, como em espelho; mas, então, veremos face a face. Agora conheço em parte; então, conhecerei plenamente, da mesma forma como sou plenamente conhecido.”

_________________
Malklord:: M.'.I.'.P.'.A.'.

Ominia in Unum

kabbalah, esoterismo , qliphoth , magia , ocultismo , celtas , força , wicca , verdade , ocultismo, occultismo, alquimia, sol, lua, astrologia, planetas, filosofia, sabedoria, busca, conhecimento, astrum argentum, arcanum arcanorum, hermetismo, religiões, cura, candomblé, umbanda, exu, orixás, anjos, demônios, deuses, forças da natureza, judeus, cristãos, Cristo, fogo, água, terra, ar, yin, yang, existencia, daemon, goetia, luz, escuridão, opostos, darkness, light, sun, moon, angels, michael, gabriel, rafael, adonai, mente, estudo, ciencia, meditação, force, grimoire, sabaoth,cernunos, mabon, graal, calice, arthur,artur,hermes,hermetico, alquimia, alchemy, pedra, filosofal, arcano, eliphas, levi, saint germain, fraternidade branca, sociedade teosifica, yggdrasil,ayahuasca, plantas de poder, Runas, rune, power, poder, hebraico, grego, grecia, roma, igreja
avatar
Malklord
Admin

Mensagens : 304
Data de inscrição : 15/08/2014

Ver perfil do usuário http://www.aemaeth.org

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: A Sabedoria da Kabbalah

Mensagem por Malklord em Sab Set 12, 2015 9:08 pm

Está feito, está terminado...

Que os Sábios Antigos possam ser honrados com esses conhecimentos,

Que possam me perdoar qualquer equivoco,

Heis o fruto de alguns anos de pesquisa, muito mais tenho a dizer mas por hora é isso.

Saudações!

_________________
Malklord:: M.'.I.'.P.'.A.'.

Ominia in Unum

kabbalah, esoterismo , qliphoth , magia , ocultismo , celtas , força , wicca , verdade , ocultismo, occultismo, alquimia, sol, lua, astrologia, planetas, filosofia, sabedoria, busca, conhecimento, astrum argentum, arcanum arcanorum, hermetismo, religiões, cura, candomblé, umbanda, exu, orixás, anjos, demônios, deuses, forças da natureza, judeus, cristãos, Cristo, fogo, água, terra, ar, yin, yang, existencia, daemon, goetia, luz, escuridão, opostos, darkness, light, sun, moon, angels, michael, gabriel, rafael, adonai, mente, estudo, ciencia, meditação, force, grimoire, sabaoth,cernunos, mabon, graal, calice, arthur,artur,hermes,hermetico, alquimia, alchemy, pedra, filosofal, arcano, eliphas, levi, saint germain, fraternidade branca, sociedade teosifica, yggdrasil,ayahuasca, plantas de poder, Runas, rune, power, poder, hebraico, grego, grecia, roma, igreja
avatar
Malklord
Admin

Mensagens : 304
Data de inscrição : 15/08/2014

Ver perfil do usuário http://www.aemaeth.org

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: A Sabedoria da Kabbalah

Mensagem por Neo em Seg Set 14, 2015 6:36 pm

Com relação às correspondências, são fruto de observações pessoais ou foram extraídas de alguma obra?
avatar
Neo
Iniciado

Mensagens : 185
Data de inscrição : 05/03/2015

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: A Sabedoria da Kabbalah

Mensagem por Malklord em Seg Set 14, 2015 6:44 pm

na verdade um pouco de cada coisa
Esses textos foram montados observando algumas obras,

Sefer Yetzira - de Ariel Kaplan
A Kabbalah Mistica de Fortune
Alguns textos do Bnei Baruch
Observações pessoais, conclusões dos textos lidos e por fim um resumo de uma organização chamada Chabad -Chockmah/Binah/Daath

Mas alguns textos são muito de Fortune.

Saudações!

_________________
Malklord:: M.'.I.'.P.'.A.'.

Ominia in Unum

kabbalah, esoterismo , qliphoth , magia , ocultismo , celtas , força , wicca , verdade , ocultismo, occultismo, alquimia, sol, lua, astrologia, planetas, filosofia, sabedoria, busca, conhecimento, astrum argentum, arcanum arcanorum, hermetismo, religiões, cura, candomblé, umbanda, exu, orixás, anjos, demônios, deuses, forças da natureza, judeus, cristãos, Cristo, fogo, água, terra, ar, yin, yang, existencia, daemon, goetia, luz, escuridão, opostos, darkness, light, sun, moon, angels, michael, gabriel, rafael, adonai, mente, estudo, ciencia, meditação, force, grimoire, sabaoth,cernunos, mabon, graal, calice, arthur,artur,hermes,hermetico, alquimia, alchemy, pedra, filosofal, arcano, eliphas, levi, saint germain, fraternidade branca, sociedade teosifica, yggdrasil,ayahuasca, plantas de poder, Runas, rune, power, poder, hebraico, grego, grecia, roma, igreja
avatar
Malklord
Admin

Mensagens : 304
Data de inscrição : 15/08/2014

Ver perfil do usuário http://www.aemaeth.org

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: A Sabedoria da Kabbalah

Mensagem por Neo em Seg Set 14, 2015 7:09 pm

Bom, o tópico está cada vez melhor. Porém fiquei com algumas dúvidas quanto aos nomes divinos que foram relacionados, achei que Chokmah tinha mais a ver com Eheyeh, e Kether com Jeovah esta última bem mais suposição que a primeira.
O que me diz disto?
avatar
Neo
Iniciado

Mensagens : 185
Data de inscrição : 05/03/2015

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: A Sabedoria da Kabbalah

Mensagem por Malklord em Seg Set 14, 2015 7:17 pm

Eheyeh significa eu sou o que eu sou,
A Essência primordial , aquilo que não conhecemos, aquilo que apenas é.

o YHWH apesar de impronunciável, já eh um desdobramento criativo, ainda initeligivel, mas já é um seguimento da criação.

É um dos nomes conhecidos pelas criaturas,

Já o Eu Sou reflete aquilo que encontraremos no últimos degrau da escada, indescritível.

O YHWH (Ou Jeovah, Yod-He-Wau-He) tem suas significações e formas de absorção.

Saudações!

_________________
Malklord:: M.'.I.'.P.'.A.'.

Ominia in Unum

kabbalah, esoterismo , qliphoth , magia , ocultismo , celtas , força , wicca , verdade , ocultismo, occultismo, alquimia, sol, lua, astrologia, planetas, filosofia, sabedoria, busca, conhecimento, astrum argentum, arcanum arcanorum, hermetismo, religiões, cura, candomblé, umbanda, exu, orixás, anjos, demônios, deuses, forças da natureza, judeus, cristãos, Cristo, fogo, água, terra, ar, yin, yang, existencia, daemon, goetia, luz, escuridão, opostos, darkness, light, sun, moon, angels, michael, gabriel, rafael, adonai, mente, estudo, ciencia, meditação, force, grimoire, sabaoth,cernunos, mabon, graal, calice, arthur,artur,hermes,hermetico, alquimia, alchemy, pedra, filosofal, arcano, eliphas, levi, saint germain, fraternidade branca, sociedade teosifica, yggdrasil,ayahuasca, plantas de poder, Runas, rune, power, poder, hebraico, grego, grecia, roma, igreja
avatar
Malklord
Admin

Mensagens : 304
Data de inscrição : 15/08/2014

Ver perfil do usuário http://www.aemaeth.org

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: A Sabedoria da Kabbalah

Mensagem por Neo em Seg Set 14, 2015 9:26 pm

Se você fosse relacionar nomes divinos aos quatros mundos da Criação, quais escolheria?
avatar
Neo
Iniciado

Mensagens : 185
Data de inscrição : 05/03/2015

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: A Sabedoria da Kabbalah

Mensagem por Malklord em Seg Set 14, 2015 10:48 pm

Para responder a sua pergunta irei me arvorar em um dos texto utilizados no ultimo Ritual da Kabbalah realizado pelo meu grupo,

Segue:

Malklord escreveu:Os Nome do Criador
Ao estudar Kabbalah, frequentemente nos deparamos com a expressão os nomes de D-us, sejam o os 72 nomes ou os atributos do Criador expressos nas 10 Sephiroth.
Mas o que são esses nomes, para que eles servem e a que estão relacionados?
Dion Fortune em seu Livro a Cabala Mística nos explica que as diferentes propriedades e qualidades do criador são descritas por Nomes, ideias que nos remetem a determinado aspecto de D-us.
No entanto cada Nome refere-se a estágios, níveis de compreensão e transformação da criatura no retorno à Morada Celeste.
Dion Fortune nos explica que os Os Coros Angélicos estão ligados ao Mundo de Yetzirah, o Mundo em que a criatura aprende gradativamente o que é o atributo da Doação. Sendo assim os 72 Nomes, que são na verdade 72 Genios ou Canais Espirituais para acesso aos mundos superiores, nos conduzem às qualidades necessárias a serem desenvolvidas pela criatura no seu caminho evolutivo.
Fortune nos diz ainda que os Nomes do Criador são ligados ao mundo de Atzilut, O Mundo das Emanações onde ocorre a Correção. Tendo corrigido seus desejos a Criatura começa a receber a luz unicamente para deleitar o Criador. Essa luz também conhecida como Torah chama-se os Nomes do Criador, porque a Criatura recebe, dentro de si e de sua alma, uma parte do Criador atribuindo-lhe nomes de acordo com o prazer recebido por essa Luz.
Os Nomes do Criador relacionados às 10 Sephiroth de Atzilut ordem ascendente são:

Adonai - Senhor
Shaday – Onipotente
Elohim Tzabaoth – Criador do Exercitos
Havaya Tzabaoth – D-us dos Exercitos
Eloha va Daath – O Manifesto
Elohim Gibor – D-us Forte
El – Clemente
Havaya Elohin – D-us Criador
Yah – Infinito e Eterno
Eheyeh – Eu Sou
Ou seja, ao alcançar as Sephiroth no mundo de Atzilut a Criatura Corrige-se gradualmente, adquirindo pela Lei de Equivalência de Forma os Atributos do Criador .

Mas se ainda assim você quiser um nome divino que represente os mundos podemos usar o YHWH como exemplo sendo o Y correspondente a Atziluth e o ultimo H responsável por Assiah.

Saudações!

_________________
Malklord:: M.'.I.'.P.'.A.'.

Ominia in Unum

kabbalah, esoterismo , qliphoth , magia , ocultismo , celtas , força , wicca , verdade , ocultismo, occultismo, alquimia, sol, lua, astrologia, planetas, filosofia, sabedoria, busca, conhecimento, astrum argentum, arcanum arcanorum, hermetismo, religiões, cura, candomblé, umbanda, exu, orixás, anjos, demônios, deuses, forças da natureza, judeus, cristãos, Cristo, fogo, água, terra, ar, yin, yang, existencia, daemon, goetia, luz, escuridão, opostos, darkness, light, sun, moon, angels, michael, gabriel, rafael, adonai, mente, estudo, ciencia, meditação, force, grimoire, sabaoth,cernunos, mabon, graal, calice, arthur,artur,hermes,hermetico, alquimia, alchemy, pedra, filosofal, arcano, eliphas, levi, saint germain, fraternidade branca, sociedade teosifica, yggdrasil,ayahuasca, plantas de poder, Runas, rune, power, poder, hebraico, grego, grecia, roma, igreja
avatar
Malklord
Admin

Mensagens : 304
Data de inscrição : 15/08/2014

Ver perfil do usuário http://www.aemaeth.org

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: A Sabedoria da Kabbalah

Mensagem por Neo em Seg Set 14, 2015 11:35 pm

Sim, já entendia o Tretragrama desta forma, 4 letras que representam a mesma essência que na filosofia antiga fora chamado de raízes e que mais tarde se relacionou aos 4 elementos, dizendo que esta era a base da criação.
Na Alquimia chamamos de Melanosis, Leucosis, Xantosis e Iosis, são etapas da transmutação da Matéria Prima até a Pedra Filosofal e do próprio Alquimista até o grau mais alto da filosofia hermética.
avatar
Neo
Iniciado

Mensagens : 185
Data de inscrição : 05/03/2015

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: A Sabedoria da Kabbalah

Mensagem por Malklord em Ter Set 15, 2015 9:26 am

Neo escreveu:... 4 letras que representam a mesma essência que na filosofia antiga fora chamado de raízes e que mais tarde se relacionou aos 4 elementos, dizendo que esta era a base da criação.
Na Alquimia chamamos de Melanosis, Leucosis, Xantosis e Iosis, são etapas da transmutação da Matéria Prima até a Pedra Filosofal e do próprio Alquimista até o grau mais alto da filosofia hermética.

Interessante como o mesmo conhecimento se repete em todas as sabedorias,

Mas voltando ao assunto nomes, só para explicar. Os Nomes do Criador só se revelam no mundo de Atzilut, ou seja nos outros planos temos outras forças que interejem, como por exemplo em Yetzirah que temos os 72 Anjos. em cada plano temos Níveis de aprendizado...

Em Assiah por exemplo temos os Planetas e Astros, responsáveis pelos arquetipos das forças cósmicas, seria o mais próximo que chegamos dos Atributos Divinos.

Mas enfim,
Espero ter esclarecido a sua dúvida.

Saudações!

_________________
Malklord:: M.'.I.'.P.'.A.'.

Ominia in Unum

kabbalah, esoterismo , qliphoth , magia , ocultismo , celtas , força , wicca , verdade , ocultismo, occultismo, alquimia, sol, lua, astrologia, planetas, filosofia, sabedoria, busca, conhecimento, astrum argentum, arcanum arcanorum, hermetismo, religiões, cura, candomblé, umbanda, exu, orixás, anjos, demônios, deuses, forças da natureza, judeus, cristãos, Cristo, fogo, água, terra, ar, yin, yang, existencia, daemon, goetia, luz, escuridão, opostos, darkness, light, sun, moon, angels, michael, gabriel, rafael, adonai, mente, estudo, ciencia, meditação, force, grimoire, sabaoth,cernunos, mabon, graal, calice, arthur,artur,hermes,hermetico, alquimia, alchemy, pedra, filosofal, arcano, eliphas, levi, saint germain, fraternidade branca, sociedade teosifica, yggdrasil,ayahuasca, plantas de poder, Runas, rune, power, poder, hebraico, grego, grecia, roma, igreja
avatar
Malklord
Admin

Mensagens : 304
Data de inscrição : 15/08/2014

Ver perfil do usuário http://www.aemaeth.org

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: A Sabedoria da Kabbalah

Mensagem por Neo em Ter Set 15, 2015 11:35 am

sim, entendi.
Obrigado!
avatar
Neo
Iniciado

Mensagens : 185
Data de inscrição : 05/03/2015

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: A Sabedoria da Kabbalah

Mensagem por Malklord em Qua Set 16, 2015 11:49 am

Bom como prometido irei postar o Ritual da Primeira Sephirah,
Gostaria que os membros baixassem, escutassem e colocassem as suas impressões,
Posteriormente ire comentando os conteúdos e significados.

Lembrando que esse trabalho foi constituído a 22 mãos um grupo de 11 encarnados e 11 desencarnados trabalhando.

Foi muito bonito...

Agradeço a a D-us e aos Anciões que nos assistiram por tamanha bênção.

Eh com Muito prazer que lhe apresento as 10 Sephiroth da Arvore da Vida - Um estudo sobre Kabbalah efetuado pelo Grupo Espiritualista Chama do Amanhecer.

Arrow 1º Trabalho - 10ª Sephirah - Malkuth

O trabalho assim como todos os outros é dividido em 3 partes a Evocação da Egregora, a Arvore da Vida e por fim a Sephirah.

Aproveitem e comentem,

Saudações!

_________________
Malklord:: M.'.I.'.P.'.A.'.

Ominia in Unum

kabbalah, esoterismo , qliphoth , magia , ocultismo , celtas , força , wicca , verdade , ocultismo, occultismo, alquimia, sol, lua, astrologia, planetas, filosofia, sabedoria, busca, conhecimento, astrum argentum, arcanum arcanorum, hermetismo, religiões, cura, candomblé, umbanda, exu, orixás, anjos, demônios, deuses, forças da natureza, judeus, cristãos, Cristo, fogo, água, terra, ar, yin, yang, existencia, daemon, goetia, luz, escuridão, opostos, darkness, light, sun, moon, angels, michael, gabriel, rafael, adonai, mente, estudo, ciencia, meditação, force, grimoire, sabaoth,cernunos, mabon, graal, calice, arthur,artur,hermes,hermetico, alquimia, alchemy, pedra, filosofal, arcano, eliphas, levi, saint germain, fraternidade branca, sociedade teosifica, yggdrasil,ayahuasca, plantas de poder, Runas, rune, power, poder, hebraico, grego, grecia, roma, igreja
avatar
Malklord
Admin

Mensagens : 304
Data de inscrição : 15/08/2014

Ver perfil do usuário http://www.aemaeth.org

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: A Sabedoria da Kabbalah

Mensagem por Malklord em Seg Set 28, 2015 10:06 pm

Alguem já ouviu?

Gostaria de ouvir vossas impressões...


_________________
Malklord:: M.'.I.'.P.'.A.'.

Ominia in Unum

kabbalah, esoterismo , qliphoth , magia , ocultismo , celtas , força , wicca , verdade , ocultismo, occultismo, alquimia, sol, lua, astrologia, planetas, filosofia, sabedoria, busca, conhecimento, astrum argentum, arcanum arcanorum, hermetismo, religiões, cura, candomblé, umbanda, exu, orixás, anjos, demônios, deuses, forças da natureza, judeus, cristãos, Cristo, fogo, água, terra, ar, yin, yang, existencia, daemon, goetia, luz, escuridão, opostos, darkness, light, sun, moon, angels, michael, gabriel, rafael, adonai, mente, estudo, ciencia, meditação, force, grimoire, sabaoth,cernunos, mabon, graal, calice, arthur,artur,hermes,hermetico, alquimia, alchemy, pedra, filosofal, arcano, eliphas, levi, saint germain, fraternidade branca, sociedade teosifica, yggdrasil,ayahuasca, plantas de poder, Runas, rune, power, poder, hebraico, grego, grecia, roma, igreja
avatar
Malklord
Admin

Mensagens : 304
Data de inscrição : 15/08/2014

Ver perfil do usuário http://www.aemaeth.org

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: A Sabedoria da Kabbalah

Mensagem por Neo em Ter Set 29, 2015 12:00 am

Muito bom, parabéns pelo trabalho! cheguei a constatações interessantes,
o estudo da Árvore da vida se une de maneira interessante aos meus estudos, permitindo uma compreensão melhor da realidade. Tu pretende postar os trabalhos feitos com as outras Sephiroth?
avatar
Neo
Iniciado

Mensagens : 185
Data de inscrição : 05/03/2015

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: A Sabedoria da Kabbalah

Mensagem por Malklord em Qua Set 30, 2015 6:22 pm

Sim Irmão!

Irei postar sim,
Irei postar toda a Árvore.

Malkuth foi a sephirah que recebi um dos Maiores presentes nesta busca espiritual. Uma comunicao com aquele de quem recebi o nome.

Mas isso eh assunto para outros tópico.

Saudações!

_________________
Malklord:: M.'.I.'.P.'.A.'.

Ominia in Unum

kabbalah, esoterismo , qliphoth , magia , ocultismo , celtas , força , wicca , verdade , ocultismo, occultismo, alquimia, sol, lua, astrologia, planetas, filosofia, sabedoria, busca, conhecimento, astrum argentum, arcanum arcanorum, hermetismo, religiões, cura, candomblé, umbanda, exu, orixás, anjos, demônios, deuses, forças da natureza, judeus, cristãos, Cristo, fogo, água, terra, ar, yin, yang, existencia, daemon, goetia, luz, escuridão, opostos, darkness, light, sun, moon, angels, michael, gabriel, rafael, adonai, mente, estudo, ciencia, meditação, force, grimoire, sabaoth,cernunos, mabon, graal, calice, arthur,artur,hermes,hermetico, alquimia, alchemy, pedra, filosofal, arcano, eliphas, levi, saint germain, fraternidade branca, sociedade teosifica, yggdrasil,ayahuasca, plantas de poder, Runas, rune, power, poder, hebraico, grego, grecia, roma, igreja
avatar
Malklord
Admin

Mensagens : 304
Data de inscrição : 15/08/2014

Ver perfil do usuário http://www.aemaeth.org

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: A Sabedoria da Kabbalah

Mensagem por Neo em Qui Out 01, 2015 11:09 am

Smile
avatar
Neo
Iniciado

Mensagens : 185
Data de inscrição : 05/03/2015

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: A Sabedoria da Kabbalah

Mensagem por Malklord em Sex Out 02, 2015 10:05 pm

Bom, conforme prometido,
Segue o 2º Trabalho realizado sobre a Arvore da Vida,

Este trabalho tem um caráter especial pois foi realizado usando algumas técnicas bem legais,
Fisicamente usamos pétalas de rosas brancas para simbolizar a pureza necessária para ultrapassar os Portões de Yesod.

Mas melhor do que falar, é provar com seus próprios sentidos aquilo que é indescritível,

Eh com Muito prazer que lhe apresento o 2º Trabalho das 10 Sephiroth da Arvore da Vida - Um estudo sobre Kabbalah efetuado pelo Grupo Espiritualista Chama do Amanhecer.

Arrow 2º Trabalho - 9ª Sephirah - Yesod

Aproveitem!

Saudações!

_________________
Malklord:: M.'.I.'.P.'.A.'.

Ominia in Unum

kabbalah, esoterismo , qliphoth , magia , ocultismo , celtas , força , wicca , verdade , ocultismo, occultismo, alquimia, sol, lua, astrologia, planetas, filosofia, sabedoria, busca, conhecimento, astrum argentum, arcanum arcanorum, hermetismo, religiões, cura, candomblé, umbanda, exu, orixás, anjos, demônios, deuses, forças da natureza, judeus, cristãos, Cristo, fogo, água, terra, ar, yin, yang, existencia, daemon, goetia, luz, escuridão, opostos, darkness, light, sun, moon, angels, michael, gabriel, rafael, adonai, mente, estudo, ciencia, meditação, force, grimoire, sabaoth,cernunos, mabon, graal, calice, arthur,artur,hermes,hermetico, alquimia, alchemy, pedra, filosofal, arcano, eliphas, levi, saint germain, fraternidade branca, sociedade teosifica, yggdrasil,ayahuasca, plantas de poder, Runas, rune, power, poder, hebraico, grego, grecia, roma, igreja
avatar
Malklord
Admin

Mensagens : 304
Data de inscrição : 15/08/2014

Ver perfil do usuário http://www.aemaeth.org

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: A Sabedoria da Kabbalah

Mensagem por Malklord em Dom Dez 27, 2015 11:20 am

Saudações nobres Irmãos,

Tenho estado meio ausente mas digamos que os fazeres mundanos nos obrigam a determinadas responsabilidades,

Mas nada que não seja superado,
A responsabilidade com a Espiritualidade é tão importante quanto o trabalho material...

Vamos ao que interessa:

Eh com Muito prazer que lhe apresento o 3º Trabalho das 10 Sephiroth da Arvore da Vida - Um estudo sobre Kabbalah efetuado pelo Grupo Espiritualista Chama do Amanhecer.

Arrow 3º Trabalho - 8ª Sephirah - Hod


Aproveitem!


_________________
Malklord:: M.'.I.'.P.'.A.'.

Ominia in Unum

kabbalah, esoterismo , qliphoth , magia , ocultismo , celtas , força , wicca , verdade , ocultismo, occultismo, alquimia, sol, lua, astrologia, planetas, filosofia, sabedoria, busca, conhecimento, astrum argentum, arcanum arcanorum, hermetismo, religiões, cura, candomblé, umbanda, exu, orixás, anjos, demônios, deuses, forças da natureza, judeus, cristãos, Cristo, fogo, água, terra, ar, yin, yang, existencia, daemon, goetia, luz, escuridão, opostos, darkness, light, sun, moon, angels, michael, gabriel, rafael, adonai, mente, estudo, ciencia, meditação, force, grimoire, sabaoth,cernunos, mabon, graal, calice, arthur,artur,hermes,hermetico, alquimia, alchemy, pedra, filosofal, arcano, eliphas, levi, saint germain, fraternidade branca, sociedade teosifica, yggdrasil,ayahuasca, plantas de poder, Runas, rune, power, poder, hebraico, grego, grecia, roma, igreja
avatar
Malklord
Admin

Mensagens : 304
Data de inscrição : 15/08/2014

Ver perfil do usuário http://www.aemaeth.org

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: A Sabedoria da Kabbalah

Mensagem por Malklord em Ter Fev 23, 2016 11:26 pm

Saudações Nobres Irmãos de Caminhada

Para compensar a minha ausência irei postar os próximos 4 trabalhos que encerram o nivel humano da Árvore,

Espero que gostem,


Arrow 4º Trabalho - 7ª Sephirah - Netzach
Arrow 5º Trabalho - 6ª Sephirah - Thipereth
Arrow 6º Trabalho - 5ª Sephirah - Gevurah
Arrow 7º Trabalho - 4ª Sephirah - Chessed

Saudações!

_________________
Malklord:: M.'.I.'.P.'.A.'.

Ominia in Unum

kabbalah, esoterismo , qliphoth , magia , ocultismo , celtas , força , wicca , verdade , ocultismo, occultismo, alquimia, sol, lua, astrologia, planetas, filosofia, sabedoria, busca, conhecimento, astrum argentum, arcanum arcanorum, hermetismo, religiões, cura, candomblé, umbanda, exu, orixás, anjos, demônios, deuses, forças da natureza, judeus, cristãos, Cristo, fogo, água, terra, ar, yin, yang, existencia, daemon, goetia, luz, escuridão, opostos, darkness, light, sun, moon, angels, michael, gabriel, rafael, adonai, mente, estudo, ciencia, meditação, force, grimoire, sabaoth,cernunos, mabon, graal, calice, arthur,artur,hermes,hermetico, alquimia, alchemy, pedra, filosofal, arcano, eliphas, levi, saint germain, fraternidade branca, sociedade teosifica, yggdrasil,ayahuasca, plantas de poder, Runas, rune, power, poder, hebraico, grego, grecia, roma, igreja
avatar
Malklord
Admin

Mensagens : 304
Data de inscrição : 15/08/2014

Ver perfil do usuário http://www.aemaeth.org

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: A Sabedoria da Kabbalah

Mensagem por Malklord em Ter Fev 23, 2016 11:27 pm

Selados estão os 7 dias da Criação,
Que sejamos dignos de atravessar o abismo través do conhecimento chamado Daat,

Saudações!

_________________
Malklord:: M.'.I.'.P.'.A.'.

Ominia in Unum

kabbalah, esoterismo , qliphoth , magia , ocultismo , celtas , força , wicca , verdade , ocultismo, occultismo, alquimia, sol, lua, astrologia, planetas, filosofia, sabedoria, busca, conhecimento, astrum argentum, arcanum arcanorum, hermetismo, religiões, cura, candomblé, umbanda, exu, orixás, anjos, demônios, deuses, forças da natureza, judeus, cristãos, Cristo, fogo, água, terra, ar, yin, yang, existencia, daemon, goetia, luz, escuridão, opostos, darkness, light, sun, moon, angels, michael, gabriel, rafael, adonai, mente, estudo, ciencia, meditação, force, grimoire, sabaoth,cernunos, mabon, graal, calice, arthur,artur,hermes,hermetico, alquimia, alchemy, pedra, filosofal, arcano, eliphas, levi, saint germain, fraternidade branca, sociedade teosifica, yggdrasil,ayahuasca, plantas de poder, Runas, rune, power, poder, hebraico, grego, grecia, roma, igreja
avatar
Malklord
Admin

Mensagens : 304
Data de inscrição : 15/08/2014

Ver perfil do usuário http://www.aemaeth.org

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: A Sabedoria da Kabbalah

Mensagem por Neo em Qui Ago 11, 2016 2:06 pm

Estava assistindo a um dos vídeos do Tony Kosinec, onde ele diz que o proposito da criação é gerar prazer ilimitado à criatura. O que seria esse prazer ilimitado? Já passei por experiências espirituais onde os desejos cessaram, seria isso? seria a total satisfação? Mas como isso poderia ser estendido de forma ilimitada sendo que segundo ele, isso poderia ser alcançado ainda neste mundo?
Entendo que seja possível aumentar o prazer e diminuir o sofrimento com muito trabalho interno, mas pode o sofrimento ser subjugado pelo prazer definitivamente? Seria possível emperrarmos a Roda da Fortuna em uma das cristas da vida, deixando os vales de vez para trás?
avatar
Neo
Iniciado

Mensagens : 185
Data de inscrição : 05/03/2015

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: A Sabedoria da Kabbalah

Mensagem por Malklord em Qui Ago 11, 2016 9:07 pm

Pergunta capciosa essa não?
Mas a resposta é sim, podemos (e diria que devemos) alcançar tal estágio,
Obviamente eu duvido que isso seja trabalho de uma vida apenas, afinal a própria Kabbalah informa que a reencarnação é um fato. Mas acho que o sentido que Kosinec aplica é que isso pode ser alcançado neste mundo. Desde que você consiga alcançar a elevação moral e espiritual adequada a tal estágio.
Pois o que é o desejo senão o egoísmo? Exemplo: um avarento tem sede de suas posses, logo ele deixaria de sofrer se elas não lhe fizessem mais sentido.Isso cabe para todo e qualquer desejo egoísta.

Sendo assim, sei (diferente de acredito) que é completamente possível não somente estancar a Roda, mas sair dela completamente, alcançando um estágio superior a todas as coisas que entendemos, pois até mesmo os prazeres que entendemos são extremamente limitados.
A Lei de Ritmo só se estabelece no plano da manifestação da criatura, nos nossos estágios evolutivos, acima da Lei de Ritmo está a Lei de Progresso, o Caminho da Perfeição.

Como dizem os Kabbalistas, pela lei de equivalência de forma (coisas que tem qualidades iguais, são iguais) nós alcançaremos o Nível do Criador e portanto não mais sujeitos as leis das coisas criadas, cumpriremos o nosso papel na criação, seremos a Imagem e Semelhança do Criador (Adam, que provem de domé, que significa semelhante).

Espero ter esclarecido.

Saudações!

_________________
Malklord:: M.'.I.'.P.'.A.'.

Ominia in Unum

kabbalah, esoterismo , qliphoth , magia , ocultismo , celtas , força , wicca , verdade , ocultismo, occultismo, alquimia, sol, lua, astrologia, planetas, filosofia, sabedoria, busca, conhecimento, astrum argentum, arcanum arcanorum, hermetismo, religiões, cura, candomblé, umbanda, exu, orixás, anjos, demônios, deuses, forças da natureza, judeus, cristãos, Cristo, fogo, água, terra, ar, yin, yang, existencia, daemon, goetia, luz, escuridão, opostos, darkness, light, sun, moon, angels, michael, gabriel, rafael, adonai, mente, estudo, ciencia, meditação, force, grimoire, sabaoth,cernunos, mabon, graal, calice, arthur,artur,hermes,hermetico, alquimia, alchemy, pedra, filosofal, arcano, eliphas, levi, saint germain, fraternidade branca, sociedade teosifica, yggdrasil,ayahuasca, plantas de poder, Runas, rune, power, poder, hebraico, grego, grecia, roma, igreja
avatar
Malklord
Admin

Mensagens : 304
Data de inscrição : 15/08/2014

Ver perfil do usuário http://www.aemaeth.org

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: A Sabedoria da Kabbalah

Mensagem por Neo em Qui Ago 11, 2016 9:30 pm

Entendo o assunto da elevação moral, mas ainda haverá incômodo, esse prazer ilimitado não pode vencer os limites do corpo, pode? Uma vida mais controlada é realmente possível onde a vontade produz verdadeiros milagres, mas isso não finda o incômodo das necessidades básicas, como fome, sede, não finda o desejo, o humano não pode escapar disso, pelo menos não aqui, ou pode?
avatar
Neo
Iniciado

Mensagens : 185
Data de inscrição : 05/03/2015

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: A Sabedoria da Kabbalah

Mensagem por Malklord em Qui Ago 11, 2016 9:50 pm

Pode sim,
Conhecemos Yogues cuja única alimentação é o prana,
A respiração, um automatismo do corpo para existir na tridimensionalidade.

Mas segundo a visão Kabbalista, a satisfação não está "neste mundo", você continuará vivendo-o, mas digamos que plenamente satisfeito, o obviamente vc aprenderá que saciar a sede de seu corpo é um ato de amor, e você não o fará para satisfazê-lo , mas sim para satisfazer o Criador. a visão eh completamente diferente, não é você que sente a necessidade.

É um conceito complicado de compreender, portanto deixarei uma parábola muito interessante sobre o tema que ajudará a esclarecer:

Arrow A Mesa de Jantar

Saudações!

_________________
Malklord:: M.'.I.'.P.'.A.'.

Ominia in Unum

kabbalah, esoterismo , qliphoth , magia , ocultismo , celtas , força , wicca , verdade , ocultismo, occultismo, alquimia, sol, lua, astrologia, planetas, filosofia, sabedoria, busca, conhecimento, astrum argentum, arcanum arcanorum, hermetismo, religiões, cura, candomblé, umbanda, exu, orixás, anjos, demônios, deuses, forças da natureza, judeus, cristãos, Cristo, fogo, água, terra, ar, yin, yang, existencia, daemon, goetia, luz, escuridão, opostos, darkness, light, sun, moon, angels, michael, gabriel, rafael, adonai, mente, estudo, ciencia, meditação, force, grimoire, sabaoth,cernunos, mabon, graal, calice, arthur,artur,hermes,hermetico, alquimia, alchemy, pedra, filosofal, arcano, eliphas, levi, saint germain, fraternidade branca, sociedade teosifica, yggdrasil,ayahuasca, plantas de poder, Runas, rune, power, poder, hebraico, grego, grecia, roma, igreja
avatar
Malklord
Admin

Mensagens : 304
Data de inscrição : 15/08/2014

Ver perfil do usuário http://www.aemaeth.org

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: A Sabedoria da Kabbalah

Mensagem por Neo em Qua Nov 16, 2016 5:14 pm

Malk, seria interessante se vc falasse sobre os 22 caminhos e as 32 portas, se possível, é claro.
avatar
Neo
Iniciado

Mensagens : 185
Data de inscrição : 05/03/2015

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: A Sabedoria da Kabbalah

Mensagem por Malklord em Qua Nov 16, 2016 9:46 pm

Não tenha dúvidas que falarei meu caro, mas digamos que esse assunto é um pouco mais adiante, precisamos entender alguns princípios básicos, pois assim os caminhos e portas ficarão mais claros,

Saudações!

_________________
Malklord:: M.'.I.'.P.'.A.'.

Ominia in Unum

kabbalah, esoterismo , qliphoth , magia , ocultismo , celtas , força , wicca , verdade , ocultismo, occultismo, alquimia, sol, lua, astrologia, planetas, filosofia, sabedoria, busca, conhecimento, astrum argentum, arcanum arcanorum, hermetismo, religiões, cura, candomblé, umbanda, exu, orixás, anjos, demônios, deuses, forças da natureza, judeus, cristãos, Cristo, fogo, água, terra, ar, yin, yang, existencia, daemon, goetia, luz, escuridão, opostos, darkness, light, sun, moon, angels, michael, gabriel, rafael, adonai, mente, estudo, ciencia, meditação, force, grimoire, sabaoth,cernunos, mabon, graal, calice, arthur,artur,hermes,hermetico, alquimia, alchemy, pedra, filosofal, arcano, eliphas, levi, saint germain, fraternidade branca, sociedade teosifica, yggdrasil,ayahuasca, plantas de poder, Runas, rune, power, poder, hebraico, grego, grecia, roma, igreja
avatar
Malklord
Admin

Mensagens : 304
Data de inscrição : 15/08/2014

Ver perfil do usuário http://www.aemaeth.org

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: A Sabedoria da Kabbalah

Mensagem por Conteúdo patrocinado


Conteúdo patrocinado


Voltar ao Topo Ir em baixo

Página 2 de 3 Anterior  1, 2, 3  Seguinte

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Voltar ao Topo

- Tópicos similares

 
Permissão deste fórum:
Você não pode responder aos tópicos neste fórum