Æmaeth
Gostaria de reagir a esta mensagem? Crie uma conta em poucos cliques ou inicie sessão para continuar.

Sistemas Mágicos de Escrita

Ir em baixo

Sistemas Mágicos de Escrita Empty Sistemas Mágicos de Escrita

Mensagem por Aarin Federleicht em Seg Out 26, 2015 2:01 pm

Sistemas Mágicos de Escrita Dc54jr



A Palavra tem poder.

Um “sim” ou um “não” podem mudar o destino de nossos passos em ida ou volta. Um “talvez” pode nos deixar numa encruzilhada sem placas de orientação. O pensamento exposto de um sábio pode tocar corações, fazê-los bater com vontade no ritmo certo, criando a melodia para a letra proposta. Uma ideia expressa de maneira confusa ou ambígua pode significar a perda de um conhecimento inestimável, da oportunidade de uma descoberta. Um discurso mal construído, uma palavra mal coloca que ofenda a uma tradição, pode gerar guerras que devastam regiões, destroem nações e ceifam vidas. O silêncio pode ser, na verdade, uma bomba relógio que, quando ativada, atingirá a quem estiver por perto. Desde que seja profundamente sincera, uma palavra bem dita pode nós elevar e nos proteger de todo mal que surgir, e uma palavra mal dita pode nos mostrar o pior de nós mesmos e do mundo, nos atirando à lama.
A linguagem tem como função expressar ideias, comunicar a percepção de um indivíduo sobre um objeto, concreto ou abstrato, através de símbolos que possam representar este objeto, seja por similaridade entre suas formas e naturezas, ou por convenção estabelecida sobre os símbolos a serem utilizados.

* Eu diria que, primariamente temos a consciência, que então percebe as coisas e organiza essa percepção de maneira estruturada. Essa percepção já seria um símbolo, sendo que ela é apenas uma referência e analogia à existência real do objeto, e a maneira como a organizamos de acordo com outras percepções (a estrutura de ordem, importância e relação que criamos entre elas) é a linguagem. Realizamos essa analogia entre conceito e representação em diversos níveis, desde a percepção da natureza do conceito, à percepção da forma, as sensações emocionais e físicas que provocam e assim por diante. O sol, por exemplo, pode ser representado por uma fonte de inspiração que clareia as ideias, por uma fogueira por seu calor aconchegante e claridade, bem como por uma bola de ouro por sua cor, brilho e formato, se nos atermos às suas qualidades perceptíveis básicas, sendo identificado também pelas palavras “sol, sun, soleil, sonne” que são formas convencionadas entre as pessoas para se referir à estrela.
A linguagem é um sistema de analogias entre diferentes níveis e dimensões sobre a qual deitamos nossa consciência para expressar sua vontade. É assim que, em um ritual de uma determinada tradição, utilizamos objetos, gestos e figuras que representam, dentro desta tradição, os elementos e ideias que pretendemos acessar, em uma ordem especifica e lógica também determinados pela estrutura da tradição. Um ritual é uma fórmula (química), uma expressão (matemática), uma oração (gramática)... ele traz dos níveis altos da consciência a Vontade e a representa, em um movimento de descida, nos planos mental através das ideias, no astral através das emoções, e no físico através dos elementos rituais concretos, direcionando e “aterrando”, por assim dizer, a energia evocada. Os símbolos são um veículo da energia e um instrumento da consciência.

Em meio a estes símbolos, talvez entre os mais importantes pois expressam imediatamente no plano físico o que se passa interiormente, estão as linguagens escrita e falada. Esses são não só os meios pelos quais expressamos tão facilmente o que pensamos, mas é com eles que criamos nossas próprias relações em sociedade, é através desta forma de que comunicação que nos posicionamos em relação ao mundo. Ao falar trazemos à tona energia interna guardada, emoções e pensamentos, cadeias inteiras de conceitos e história, e os jogamos no ar, ainda em forma de energia através da movimentação do ar fazendo-o vibrar de maneiras especificas para cada som. A vibração externa reflete a vibração interna. Com palavras impressionamos ao outro e nos impressionamos. Com cada palavra mudamos definitivamente o arranjo da matéria ao nosso redor e desencadeamos efeitos em grande parte imprevisíveis. A palavra dita afeta o espaço.

Na mesma medida a palavra escrita tem esse poder, traz as mesmas ideias e conceitos com toda força de construção ou destruição. A particularidade, no entanto, vem da possiblidade de registro. A palavra escrita é uma evolução da falada, mantendo a informação expressa salva e guardada para ser revisitada, revisada e reaprendida da mesma forma, sempre que necessário. O signo escrito nas dá a possibilidade de representar a gama gigantesca de objetos já permitida pela fala, além de mais alguns pela sua forma de apresentação visual, material com qual e sobre qual é inscrito. A palavra escrita afeta o tempo.

O conceito central da pratica mágica é a intenção, o foco da consciência sobre elementos específicos. Por isso seguimos uma tradição, por isso usamos instrumentos e os consagramos a sua tarefa especifica. Da mesma forma existiram e existem sistemas de escrita criados ou adaptados especialmente para uso místico, seus signos, arranjos, pronuncia e as formas de serem escritos muitas vezes trazendo mistérios e ensinamentos em si. E é a estes sistemas que este post é dedicado.


------------------------------------------------------------
* Ali expresso minha opinião pessoal. Na verdade, há algum tempo li alguns artigos em que debatiam, dentro da neurociência, sobre a origem do pensamento e da linguagem, qual vinha primeiro e qual dependia do outro. Não sou neurocientista então não vou afirmar nada, só deixei minha visão. Smile

_________________
O propósito do Guerreiro é a paz.
Aarin Federleicht
Aarin Federleicht
Neófito

Mensagens : 89
Data de inscrição : 21/02/2015
Idade : 28
Localização : Salvador

Voltar ao Topo Ir em baixo

Sistemas Mágicos de Escrita Empty Re: Sistemas Mágicos de Escrita

Mensagem por Neo em Seg Out 26, 2015 5:12 pm

Muito bom, muito bom mesmo, parabéns pelo post.
Tenho muita coisa para dizer, mas no momento vou deixar apenas esta frase de Eliphas Levi:
"No círculo da sua ação, todo verbo cria o que afirma."

Continue, por favor!
Neo
Neo
Discípulo do Primórdio

Mensagens : 215
Data de inscrição : 05/03/2015
Localização : Salvador - BA

Voltar ao Topo Ir em baixo

Sistemas Mágicos de Escrita Empty Re: Sistemas Mágicos de Escrita

Mensagem por Malklord em Dom Dez 27, 2015 11:36 am

Cool

_________________
Malklord:: M.'.I.'.P.'.A.'.

Ominia in Unum

kabbalah, esoterismo , qliphoth , magia , ocultismo , celtas , força , wicca , verdade , ocultismo, occultismo, alquimia, sol, lua, astrologia, planetas, filosofia, sabedoria, busca, conhecimento, astrum argentum, arcanum arcanorum, hermetismo, religiões, cura, candomblé, umbanda, exu, orixás, anjos, demônios, deuses, forças da natureza, judeus, cristãos, Cristo, fogo, água, terra, ar, yin, yang, existencia, daemon, goetia, luz, escuridão, opostos, darkness, light, sun, moon, angels, michael, gabriel, rafael, adonai, mente, estudo, ciencia, meditação, force, grimoire, sabaoth,cernunos, mabon, graal, calice, arthur,artur,hermes,hermetico, alquimia, alchemy, pedra, filosofal, arcano, eliphas, levi, saint germain, fraternidade branca, sociedade teosifica, yggdrasil,ayahuasca, plantas de poder, Runas, rune, power, poder, hebraico, grego, grecia, roma, igreja
Malklord
Malklord
Admin

Mensagens : 330
Data de inscrição : 15/08/2014

http://aemaeth.forumeiros.com

Voltar ao Topo Ir em baixo

Sistemas Mágicos de Escrita Empty Re: Sistemas Mágicos de Escrita

Mensagem por Neo em Qua Maio 25, 2016 3:40 pm

No estudo da Alquimia é conhecido e utilizado um sistema de escrita específico, uma linguagem que pode ser escrita e também falada, uma linguagem antiga que alguns dizem ter sido o idioma de Deus, a língua falada por Adão e perdida durante a construção da Torre de Babel, mas nunca abandonada pelos sábios que a mantiveram a salvo até mesmo das águas do dilúvio, para alguns ela é conhecida como Glossolalia, e fora utilizada pelos apóstolos durante o pentecostes, para outros é chamada de a língua dos pássaros, ou a língua verde. Os argonautas se comunicavam através dela durante a busca do velocino de ouro. Os incas a denominavam idioma da corte, pois era apenas compreendida pelos nobres. É a verdadeira cabala fonética, uma chave capaz de destrancar os cadeados que mantém as Claviculas de Salomão ocultas dos olhos profanos, e revelar os arcanos ocultos no livro de Thot ou ainda dizer a resposta para o enigma da esfinge, revelar os segredos das pirâmides e das catedrais medievais e ainda ensinar a ler e a escrever sem letras ou palavras. O Conde de Saint Germain se utilizou dela em A Santíssima Trinosofia, sua única obra e que fora escrita de próprio punho.
Raimundo Lullio fez com ela o Livro das Bestas, obra ricamente reveladora que todo iniciando deveria estudar. O Corpus Hermeticum exibe-a de forma radiante, ela está presente no Abracadabra e no Ablatanalba. A Alquimia, a Magia e a Astrologia jamais foram explicadas de outra forma que não houvesse sido através desta antiga língua, se a compreender terá feito metade do trabalho, o resto dependerá apenas da sua dedicação para realizar a Magnus Opus alquimica, alcançar o Sanctum Regnum da Magia, e ler as estrelas como nenhum outro astrólogo. Falará a lingua dos anjos e com ela subjugará os demônios, terá nas suas mãos os reis e os poderosos, e todo ouro e riqueza que nenhum Salomão alcançou.
Neo
Neo
Discípulo do Primórdio

Mensagens : 215
Data de inscrição : 05/03/2015
Localização : Salvador - BA

Voltar ao Topo Ir em baixo

Sistemas Mágicos de Escrita Empty Re: Sistemas Mágicos de Escrita

Mensagem por Malklord em Sab Fev 11, 2017 10:03 pm

Os Alfabetos Sagrados

Os caracteres e alfabetos consagrados pelo tempo permitem-nos criar os maravilhosos Pantáculos de força, proteção,vitalidade, repulsão de formas maléficas e atração das forças do Astral Superior. De essência universal, unem o microcosmo ao macrocosmo, pois são transmissores fluídicos que ligam a vontade do magista ao Mundo Superior. Para isso, devem ter o valor simbólico e mágico dos números, letras, figuras e nomes neles inscritos. Esses caracteres dão valor mágico de sua força e a forma dos desenhos adotados, pela qual são preparados a fim de serem respeitados em todos os planos. O estado de preparação ou de tranquilidade de espírito de quem vai confeccionar do ponto de vista das harmonias convenientes, tornarão os pantáculos formas vivas que atuam em todos os mundos, planos e níveis de consciência,


Sistemas Mágicos de Escrita AjUGti4wmIpmK0iNlNkvB2M8_YDzeGA9zS5TmKmeFEO_2aCb7FO1tOZBBwFo4OPGjwO-ps0p0xtkEriQ2rBtK7lyeonPHKfjZfT9InPhKyaPjnG1m1S_zRMNsTuflABUm3ewmo6rX0acBfKt6JEzoL6QI_weiXwk0lOrShiTqPWsdciYj9Mzvv57Ugt7SUTx20x-8_-XIu-FNKwcZdaqNqYMUg9IA6bMqKVeJBaN5m-lOOhOJ5vL9NIknfnuneeeS4WkhN_3pBlkmb7KByhgbAJWAYu7NQjTZNHal1rgfgBOBBynEwRpf0BNzbx3W-6dMmOUNcA2GQAvbXaaoOf1ZV1nmYL_0u8vrqCp3Jw4wE9p9yqGvH1RpoH4-oHGgEuLOqE07BcuLJaWLwRLmyaPIuIqoegQXsRVpOfWW5_bUU_zvT5HC-XgauTJz47Ep5VJOQj0P4CsPP9uLDTQ8OJeAXKwrYUqXWjZ-4hL_ck6rEmJgSTe4v4lf3L7wVYFv0H2x6Nv4d7Fr95AjSRxq0ga8BDyV8gr7j4SRft-qZK0TvoONxSzHMLhOTjoSF-KNsD134nmPqHAMraV3jvXtosgp2W4HqNBMmLGBYRKQPdfId6RQVlTETKo=w394-h651-no

A seguir postarei alguns desses alfabetos consagrados

Saudações!

_________________
Malklord:: M.'.I.'.P.'.A.'.

Ominia in Unum

kabbalah, esoterismo , qliphoth , magia , ocultismo , celtas , força , wicca , verdade , ocultismo, occultismo, alquimia, sol, lua, astrologia, planetas, filosofia, sabedoria, busca, conhecimento, astrum argentum, arcanum arcanorum, hermetismo, religiões, cura, candomblé, umbanda, exu, orixás, anjos, demônios, deuses, forças da natureza, judeus, cristãos, Cristo, fogo, água, terra, ar, yin, yang, existencia, daemon, goetia, luz, escuridão, opostos, darkness, light, sun, moon, angels, michael, gabriel, rafael, adonai, mente, estudo, ciencia, meditação, force, grimoire, sabaoth,cernunos, mabon, graal, calice, arthur,artur,hermes,hermetico, alquimia, alchemy, pedra, filosofal, arcano, eliphas, levi, saint germain, fraternidade branca, sociedade teosifica, yggdrasil,ayahuasca, plantas de poder, Runas, rune, power, poder, hebraico, grego, grecia, roma, igreja
Malklord
Malklord
Admin

Mensagens : 330
Data de inscrição : 15/08/2014

http://aemaeth.forumeiros.com

Voltar ao Topo Ir em baixo

Sistemas Mágicos de Escrita Empty Re: Sistemas Mágicos de Escrita

Mensagem por Malklord em Sab Fev 11, 2017 10:27 pm

Alfabeto Hebraico

O sistema de escrita hebraico, também conhecido como Alef-Beit, é o abjad utilizado para a escrita em hebraico, que é uma língua semítica pertencente à família das línguas afro-asiáticas, falada em Israel, foi criado por volta do século III a.C. Também é utilizado para escrever o iídiche , língua germânica falada pelos judeus da Europa Oriental e Alemanha; e o ladino, dialeto utilizado pelos judeus sefaraditas. Assim como na escrita árabe, nesse alfabeto, os textos são escritos no sentido anti-horário ou seja, da direita para a esquerda.

Sistemas Mágicos de Escrita Alefb1




Sistemas Mágicos de Escrita R1zmYPkiU7WSxij7dL9onvqeb4fYE3C8CfdN1IlmXu6VHe4-UZKrs2QzJUzWermAYsfWDt30NIcI_FaVoSTqB24GjYAMdOPsxJ0blOvu8csl7JXK4w0JybrIwGeYziyyY-JKFYHYj2iPpeIrH5YMGBz0nnNK5Aw-R3wEcOvrjAucb9MxAK0ylkIi4Ig62XVzzHk7VTs4mQATxw_euQZqSLfQo6EZ7g5B2Nh2-rJCmsNSx0Cf5wdAb2uj3sCjYns95kfOsk1H5Zny2PoIv0SX_I89eP1dAJsA8-pdcHfEUfcApiH4NZ8sAh1Ea9HV4t5PrYpo1-E7Q5J-UzQSPNgLgUybeYo9J43YxcXv0Kbo3FnnMSAMvJGFmPq9Nwii4UypVl1NbdvdUuzfTE7v2Ruaje1Thdnk0rpz7LPEJUtvuNCKyGSdQSbIKQLvl0qXM1BqqM1ayLXjJ_habddPGjiE-WsnHos1Pg8eRyv37mcz6Su7IzfK1QnJepXiV1QCa9PXJKpgyyDki2FsTaShgqou_DlvRe5cgWz4wRBzd8JkfNqWJONFgprVbDGnyjEpiORChcTrDzR1hUVoqVMKnNt3UsJjNcyzThRtOgBmxnl5-2eImF_8OD7-=w921-h651-no

Sistemas Mágicos de Escrita WatOS6FMW7fByYa4FsP-FW82WdpyBfMuI5gBUugUnlSkHx4KPA3FlOpruRM8UO69QYe4vm8dxWFFBJrFLtkbBP6wg_brm_bVDdyVFnqBTO6YhGqBFe66WbzsMNMBeorLM8-Z6nNhrQNUSN5VAXFX99_dt-boQC_HMbmk9palsjg7BEOfywRD7ZLU2FTWb8q9qb0vJon-On7jXwfsv3CosmQAw4aUQz03KbwEM4VAfTHy6LzOxZ3El3VtlGddjHdOC8rzzg1BLR0NWhcqQ7IQgaqb-NiG0Ut74f_1l1lMgMnmLGBVLqw_cMHMNZ5G_-Pl98O2oq2HoR7dsGmpsXzMshFQitzdR34bWgPWqbz_tZzhs_mZYF8JyH-FgFeUYkXY-qmAgGwqqWc9P-7xef-RMrGTOSKRPIqhLKE0iYUyaNDt-wjnYeRJW2NX1B8K-wZL7DbzPJfckApOzLaS1a0koo0QBlrhUtM1LCmBpLI39evlvzqNKlAycccZesoyt3EwOylatCx36Ef2eA4oAgPT1GM2H_KMOVg3XdOYfRgc5zI1RM4o_V0w1tkir4nYMUQm0OScAM9XHdhfQZ4ScLJjT4sjpbuhWNCrMTQm9ooWdIO0firakOFW=w1002-h652-no

Saudações!

_________________
Malklord:: M.'.I.'.P.'.A.'.

Ominia in Unum

kabbalah, esoterismo , qliphoth , magia , ocultismo , celtas , força , wicca , verdade , ocultismo, occultismo, alquimia, sol, lua, astrologia, planetas, filosofia, sabedoria, busca, conhecimento, astrum argentum, arcanum arcanorum, hermetismo, religiões, cura, candomblé, umbanda, exu, orixás, anjos, demônios, deuses, forças da natureza, judeus, cristãos, Cristo, fogo, água, terra, ar, yin, yang, existencia, daemon, goetia, luz, escuridão, opostos, darkness, light, sun, moon, angels, michael, gabriel, rafael, adonai, mente, estudo, ciencia, meditação, force, grimoire, sabaoth,cernunos, mabon, graal, calice, arthur,artur,hermes,hermetico, alquimia, alchemy, pedra, filosofal, arcano, eliphas, levi, saint germain, fraternidade branca, sociedade teosifica, yggdrasil,ayahuasca, plantas de poder, Runas, rune, power, poder, hebraico, grego, grecia, roma, igreja
Malklord
Malklord
Admin

Mensagens : 330
Data de inscrição : 15/08/2014

http://aemaeth.forumeiros.com

Voltar ao Topo Ir em baixo

Sistemas Mágicos de Escrita Empty Re: Sistemas Mágicos de Escrita

Mensagem por Malklord em Dom Fev 12, 2017 10:47 am

Alfabeto Grego

Sistemas Mágicos de Escrita CT2CfeHKC-Zft5ao5RikPVNug2QkD16jNuJBX58Z-2bxTkHNKtxd_fPNFlmbws4JIBd2t7FJU-cTOki4nQ-LeUIv3tToQXACwFAfJSkxbo6WTNlMZPcATkcxBHWMiSgOy_58ElPrHBdFsKJjfdr_zGyL-mU4jyKNMArJlkR28ixbbiz30J9X3XYT5IFDhSHLXJp9KRh39IT8lrjGAvMr3J-WSG5yXtU_AmV2PCCO1NDbTjxn5m_2R3-4wW28B5jMicexvJmuJoROnfy4wVWw90WD_QexlREGp60oVd6tqp-_5n5zgzOUVgw8XoBw7mC9XzM0moLfLNHm4kS_IejzJ_cSpgzgjxsrZdjVyyzXTBK9GxNiUZvw-RBY5EQqgoXZjrYkNBAWwzFG1Qs1HYt0FL17RU95xHmz4rTIjV2fTmpw3ah2-xhjzwIZy5yCz8z76C4VBj64B7LcO2PgrGOk8gSTt8_cIoSLn4m2JkFOL4R2Xs8D2BsQ5V8xDjVDW6mt-86p1mnuJ5d4P7GYqdgBNi6jGB0EjJCyzJMwFa7GTElDfXQ5CYuzRUtf95e9JI7MPNWNh-b7xYvadK1Up25Vm4e3E2y9XeZS9MnYnvH356VAhFSbGOdI=w456-h700-no

_________________
Malklord:: M.'.I.'.P.'.A.'.

Ominia in Unum

kabbalah, esoterismo , qliphoth , magia , ocultismo , celtas , força , wicca , verdade , ocultismo, occultismo, alquimia, sol, lua, astrologia, planetas, filosofia, sabedoria, busca, conhecimento, astrum argentum, arcanum arcanorum, hermetismo, religiões, cura, candomblé, umbanda, exu, orixás, anjos, demônios, deuses, forças da natureza, judeus, cristãos, Cristo, fogo, água, terra, ar, yin, yang, existencia, daemon, goetia, luz, escuridão, opostos, darkness, light, sun, moon, angels, michael, gabriel, rafael, adonai, mente, estudo, ciencia, meditação, force, grimoire, sabaoth,cernunos, mabon, graal, calice, arthur,artur,hermes,hermetico, alquimia, alchemy, pedra, filosofal, arcano, eliphas, levi, saint germain, fraternidade branca, sociedade teosifica, yggdrasil,ayahuasca, plantas de poder, Runas, rune, power, poder, hebraico, grego, grecia, roma, igreja
Malklord
Malklord
Admin

Mensagens : 330
Data de inscrição : 15/08/2014

http://aemaeth.forumeiros.com

Voltar ao Topo Ir em baixo

Sistemas Mágicos de Escrita Empty Re: Sistemas Mágicos de Escrita

Mensagem por Malklord em Dom Fev 12, 2017 11:07 am

Alfabeto de Cagliostro

Sistemas Mágicos de Escrita P_CXDEFlYDg-AAoj-VYjINuB54qTGdNZmIvpO3t_DiAnln-6pt_Pj02rOkMbmbkQgDk0tFxkc2x1dI4Qw6q4G_VYY2d8gWg80U1jnaiMopMJ0rzMj3O6IpwoAEegXYW8CrfJa0vpTwMYYrLmilCbkTgBxSeJ3phgakHqv4kZ4NyxcJJQpGLCJPB4SYBT1AUq8i81Zo1hJCRe7_dmu0FDHbwMbmUi9BWD5MUf-lPuzgvhtBdM7RjRVRlrTyFMloSGTkof-ESB6qU4KlJ56HrZHyqawtMgUqsOZAB5FdCZRUg8Ite70oD0opZM5TxDXHIOPnZbLTtrkRJNTsPTWj0A-tS_3c4-8JpNA8J0ttsIrJfCof1A66OxdkB23THIJ0ibaV5zHdu70JXa0LPJkfjUQv05sfbbUA-PdTLyksmJS7FdKPVniE4jLJyO2-kT_t-H_ma7DrE_QvU-ZveGVqSvwWGxiccjjYfuOtoytp5xOfwmPWdKTVHKOqZkSH7wQTqYm6v3HwPTdwutm-qUe4vRWy2389NK-X8Pf_N6C12triJxOYSPLgW4KvqfWbSx402ktQck9TOc_6Vhl7zYtT4SsrjGbhwH57MuLjWdpLjcj_0IPbkUwAL6=w558-h700-no

_________________
Malklord:: M.'.I.'.P.'.A.'.

Ominia in Unum

kabbalah, esoterismo , qliphoth , magia , ocultismo , celtas , força , wicca , verdade , ocultismo, occultismo, alquimia, sol, lua, astrologia, planetas, filosofia, sabedoria, busca, conhecimento, astrum argentum, arcanum arcanorum, hermetismo, religiões, cura, candomblé, umbanda, exu, orixás, anjos, demônios, deuses, forças da natureza, judeus, cristãos, Cristo, fogo, água, terra, ar, yin, yang, existencia, daemon, goetia, luz, escuridão, opostos, darkness, light, sun, moon, angels, michael, gabriel, rafael, adonai, mente, estudo, ciencia, meditação, force, grimoire, sabaoth,cernunos, mabon, graal, calice, arthur,artur,hermes,hermetico, alquimia, alchemy, pedra, filosofal, arcano, eliphas, levi, saint germain, fraternidade branca, sociedade teosifica, yggdrasil,ayahuasca, plantas de poder, Runas, rune, power, poder, hebraico, grego, grecia, roma, igreja
Malklord
Malklord
Admin

Mensagens : 330
Data de inscrição : 15/08/2014

http://aemaeth.forumeiros.com

Voltar ao Topo Ir em baixo

Sistemas Mágicos de Escrita Empty Re: Sistemas Mágicos de Escrita

Mensagem por Malklord em Dom Fev 12, 2017 11:11 am

Alfabeto Enochiano

Sistemas Mágicos de Escrita Alfabeto+enochiano

_________________
Malklord:: M.'.I.'.P.'.A.'.

Ominia in Unum

kabbalah, esoterismo , qliphoth , magia , ocultismo , celtas , força , wicca , verdade , ocultismo, occultismo, alquimia, sol, lua, astrologia, planetas, filosofia, sabedoria, busca, conhecimento, astrum argentum, arcanum arcanorum, hermetismo, religiões, cura, candomblé, umbanda, exu, orixás, anjos, demônios, deuses, forças da natureza, judeus, cristãos, Cristo, fogo, água, terra, ar, yin, yang, existencia, daemon, goetia, luz, escuridão, opostos, darkness, light, sun, moon, angels, michael, gabriel, rafael, adonai, mente, estudo, ciencia, meditação, force, grimoire, sabaoth,cernunos, mabon, graal, calice, arthur,artur,hermes,hermetico, alquimia, alchemy, pedra, filosofal, arcano, eliphas, levi, saint germain, fraternidade branca, sociedade teosifica, yggdrasil,ayahuasca, plantas de poder, Runas, rune, power, poder, hebraico, grego, grecia, roma, igreja
Malklord
Malklord
Admin

Mensagens : 330
Data de inscrição : 15/08/2014

http://aemaeth.forumeiros.com

Voltar ao Topo Ir em baixo

Sistemas Mágicos de Escrita Empty Re: Sistemas Mágicos de Escrita

Mensagem por Malklord em Dom Fev 12, 2017 4:31 pm

Alfabeto Celestial

Sistemas Mágicos de Escrita AX0aPv0ezVDr5tChYoTJDcHVqL657txZIv2pwdtv37Z7dzBQVD06f7LOjErD7fkvIPG4Cy7jIuwZE7q4YOuuiNycGrtCohWx7nHMsvPbYhDzIXP32M5CY5ooDvchwhIyRJcQF65N2mqgmpH8Cce1tF13rfhS2Ev4NMogpxG1KFp1wMhJmWGOvEYGNc_2mREQ3sTzXo7d66IT1f09ytr4uJGJjKn-w7itL8UR_wftFad6LtbhXpuzC59NAgp78_5PVPHhGy0nzpMA2nbQsR5qs2FoD7N0FeaiIE8ItpV7IpktPsAMK-3GXlDDaLFHeSh3jNRnHxsTtEu5mVlEMYRbviO4r15rUxd53FENXNPjof61mkylz21ncUI3xB_dy4BelrxGmU0M2oU7DLqr5n5M-5kU5T1IHBmhoZoWCkq6lxUxBQnwzNiOHWGVh_nNahKtx2q4LlT7CaKKkLa_ELNjQsPK3yQ2uYlWmGGfDEWBNsimLRnao74He2LBPYdkL2SOWliyFXbSdTcCI9q8gIpnO6WL5eyqktjnaOYEhRL4N8pKscLRkCDfBL6lTW6CyaRo_CN9Ht4Ptd1gQ9ESk1wLt2uQO_mSKi5XC7WsqdYayuf2oO1-qSl7=w1206-h700-no

_________________
Malklord:: M.'.I.'.P.'.A.'.

Ominia in Unum

kabbalah, esoterismo , qliphoth , magia , ocultismo , celtas , força , wicca , verdade , ocultismo, occultismo, alquimia, sol, lua, astrologia, planetas, filosofia, sabedoria, busca, conhecimento, astrum argentum, arcanum arcanorum, hermetismo, religiões, cura, candomblé, umbanda, exu, orixás, anjos, demônios, deuses, forças da natureza, judeus, cristãos, Cristo, fogo, água, terra, ar, yin, yang, existencia, daemon, goetia, luz, escuridão, opostos, darkness, light, sun, moon, angels, michael, gabriel, rafael, adonai, mente, estudo, ciencia, meditação, force, grimoire, sabaoth,cernunos, mabon, graal, calice, arthur,artur,hermes,hermetico, alquimia, alchemy, pedra, filosofal, arcano, eliphas, levi, saint germain, fraternidade branca, sociedade teosifica, yggdrasil,ayahuasca, plantas de poder, Runas, rune, power, poder, hebraico, grego, grecia, roma, igreja
Malklord
Malklord
Admin

Mensagens : 330
Data de inscrição : 15/08/2014

http://aemaeth.forumeiros.com

Voltar ao Topo Ir em baixo

Sistemas Mágicos de Escrita Empty Re: Sistemas Mágicos de Escrita

Mensagem por Malklord em Dom Fev 12, 2017 4:34 pm

Alfabeto Rúnico Bardo

Sistemas Mágicos de Escrita PGIbLDzsyfp8G9tHWLpknZdNd3MOGr_1PG53GqYHJ1n1yVs0ccQsEb_c3eygAEvz5dvj6ZtpyroF4FxrIMdNK9mDuVfMehmdNkPwGfdwrBxEfiTDpTvo-xTYOuy5eCaHGHga9RBoMpmpVpJcFr8mhAXryTMadmiH9RsIFUvwyUkijVhrCsk70UULofqVnrQ2BcN3Ltgz0xFuqSLTdU2cDkdNlItC4o1ZuPRKJOZiF1XestEE-ZmDX8NaD03RIJ7B1I86ZDYTS_s7vn4jGRUmTgcqZW7isA_k5jsWI2fU-nhStQSROLq2_omGHo4QmKY3vujxScQY1zdAcE9oSwxcR6V50k_9BBpd8TZNpPh5Xi6TkMIKge7evpQ6MfRZB25LUAlYX2FOShsfb8Z2K9rkqp5nnGo9BCuDpHJ7Dhwj6P2701n4kokrApco_m5smQhFaA2IcKaSZW445C2qJFC7Zd6HIj3NuhszRGntkae-trUELR871slDXT8zb2VU40HbpWAqSdURQ0F1o1Fp1X7qDBsZOfnZvVM3OcCcb56ld-vxL3wAYIo9PjqldlYscNpV9BwqqFvjRzjLUR134IEHEZkMmCqd6innVhlTf7zmRbZpFwo3sWqE=w806-h700-no

_________________
Malklord:: M.'.I.'.P.'.A.'.

Ominia in Unum

kabbalah, esoterismo , qliphoth , magia , ocultismo , celtas , força , wicca , verdade , ocultismo, occultismo, alquimia, sol, lua, astrologia, planetas, filosofia, sabedoria, busca, conhecimento, astrum argentum, arcanum arcanorum, hermetismo, religiões, cura, candomblé, umbanda, exu, orixás, anjos, demônios, deuses, forças da natureza, judeus, cristãos, Cristo, fogo, água, terra, ar, yin, yang, existencia, daemon, goetia, luz, escuridão, opostos, darkness, light, sun, moon, angels, michael, gabriel, rafael, adonai, mente, estudo, ciencia, meditação, force, grimoire, sabaoth,cernunos, mabon, graal, calice, arthur,artur,hermes,hermetico, alquimia, alchemy, pedra, filosofal, arcano, eliphas, levi, saint germain, fraternidade branca, sociedade teosifica, yggdrasil,ayahuasca, plantas de poder, Runas, rune, power, poder, hebraico, grego, grecia, roma, igreja
Malklord
Malklord
Admin

Mensagens : 330
Data de inscrição : 15/08/2014

http://aemaeth.forumeiros.com

Voltar ao Topo Ir em baixo

Sistemas Mágicos de Escrita Empty Re: Sistemas Mágicos de Escrita

Mensagem por Malklord em Dom Fev 12, 2017 4:40 pm

Alfabeto Runico Pecti Wita

Sistemas Mágicos de Escrita 1rusdUBIDDFDgMp8snjrsQx3M0UznRzcNA_aTy6JGf8_QSIElIGg4Us8ghOoLpCtk68p4DkQFAB0lVCqu4esZNwDvhKzBIp1Y3PhxTRvGWIV870LdnFPLGhMXduF_FM22mR6u2WHCTyZfr-_7b4ef1VV7ToJJV8OxrPXmEKqxhND2T-GAWJHC2p915OXzETJMfW-qjQUNHYVYpRYHTaMy9xYyu4E_fmWWoh1zj6DLT_uEFtEQBtflL5N5Bq73qFj9fGB4zU7sIwI9pVD856QH5fcuo4hQ1bs11kOlxUZ0GkZz35NUGfY8z74fpCki9tNdLFotsI1PrCp_VMgQGwPBTumSily9Lc-uFOhIwiAjRi3ZXm0lnqkaon32F9VEE8RJo4VPxEoSGX0r1loyYq_iekDnbAPijszYF_PVUgaRaQ1VDW1ukGBmWTvM4zamQTmRmjmZPs8Z5jr72nerpZ6LkxSLEbs5R9Pk83R8nuuV4wFWxsdZ0_8xp5dicXHDU1okUKhmTXbPSzAsHQG0rFHejX-nWMaszqAXv4YEGD9rwWGSNRYQvbzbtqI4DIZj0P3yFN0ee754pQRyO-1yZbqKIKtxuUVih--zCM6WAZs_06jFZurdASb=w469-h700-no

_________________
Malklord:: M.'.I.'.P.'.A.'.

Ominia in Unum

kabbalah, esoterismo , qliphoth , magia , ocultismo , celtas , força , wicca , verdade , ocultismo, occultismo, alquimia, sol, lua, astrologia, planetas, filosofia, sabedoria, busca, conhecimento, astrum argentum, arcanum arcanorum, hermetismo, religiões, cura, candomblé, umbanda, exu, orixás, anjos, demônios, deuses, forças da natureza, judeus, cristãos, Cristo, fogo, água, terra, ar, yin, yang, existencia, daemon, goetia, luz, escuridão, opostos, darkness, light, sun, moon, angels, michael, gabriel, rafael, adonai, mente, estudo, ciencia, meditação, force, grimoire, sabaoth,cernunos, mabon, graal, calice, arthur,artur,hermes,hermetico, alquimia, alchemy, pedra, filosofal, arcano, eliphas, levi, saint germain, fraternidade branca, sociedade teosifica, yggdrasil,ayahuasca, plantas de poder, Runas, rune, power, poder, hebraico, grego, grecia, roma, igreja
Malklord
Malklord
Admin

Mensagens : 330
Data de inscrição : 15/08/2014

http://aemaeth.forumeiros.com

Voltar ao Topo Ir em baixo

Sistemas Mágicos de Escrita Empty Re: Sistemas Mágicos de Escrita

Mensagem por Malklord em Dom Fev 12, 2017 4:49 pm

Futhark

Sistemas Mágicos de Escrita Futhar11

_________________
Malklord:: M.'.I.'.P.'.A.'.

Ominia in Unum

kabbalah, esoterismo , qliphoth , magia , ocultismo , celtas , força , wicca , verdade , ocultismo, occultismo, alquimia, sol, lua, astrologia, planetas, filosofia, sabedoria, busca, conhecimento, astrum argentum, arcanum arcanorum, hermetismo, religiões, cura, candomblé, umbanda, exu, orixás, anjos, demônios, deuses, forças da natureza, judeus, cristãos, Cristo, fogo, água, terra, ar, yin, yang, existencia, daemon, goetia, luz, escuridão, opostos, darkness, light, sun, moon, angels, michael, gabriel, rafael, adonai, mente, estudo, ciencia, meditação, force, grimoire, sabaoth,cernunos, mabon, graal, calice, arthur,artur,hermes,hermetico, alquimia, alchemy, pedra, filosofal, arcano, eliphas, levi, saint germain, fraternidade branca, sociedade teosifica, yggdrasil,ayahuasca, plantas de poder, Runas, rune, power, poder, hebraico, grego, grecia, roma, igreja
Malklord
Malklord
Admin

Mensagens : 330
Data de inscrição : 15/08/2014

http://aemaeth.forumeiros.com

Voltar ao Topo Ir em baixo

Sistemas Mágicos de Escrita Empty Re: Sistemas Mágicos de Escrita

Mensagem por Malklord em Dom Fev 12, 2017 4:53 pm

Malachim

Sistemas Mágicos de Escrita Malachim

_________________
Malklord:: M.'.I.'.P.'.A.'.

Ominia in Unum

kabbalah, esoterismo , qliphoth , magia , ocultismo , celtas , força , wicca , verdade , ocultismo, occultismo, alquimia, sol, lua, astrologia, planetas, filosofia, sabedoria, busca, conhecimento, astrum argentum, arcanum arcanorum, hermetismo, religiões, cura, candomblé, umbanda, exu, orixás, anjos, demônios, deuses, forças da natureza, judeus, cristãos, Cristo, fogo, água, terra, ar, yin, yang, existencia, daemon, goetia, luz, escuridão, opostos, darkness, light, sun, moon, angels, michael, gabriel, rafael, adonai, mente, estudo, ciencia, meditação, force, grimoire, sabaoth,cernunos, mabon, graal, calice, arthur,artur,hermes,hermetico, alquimia, alchemy, pedra, filosofal, arcano, eliphas, levi, saint germain, fraternidade branca, sociedade teosifica, yggdrasil,ayahuasca, plantas de poder, Runas, rune, power, poder, hebraico, grego, grecia, roma, igreja
Malklord
Malklord
Admin

Mensagens : 330
Data de inscrição : 15/08/2014

http://aemaeth.forumeiros.com

Voltar ao Topo Ir em baixo

Sistemas Mágicos de Escrita Empty Re: Sistemas Mágicos de Escrita

Mensagem por Malklord em Dom Fev 12, 2017 4:55 pm

Thebano

Sistemas Mágicos de Escrita Teban

_________________
Malklord:: M.'.I.'.P.'.A.'.

Ominia in Unum

kabbalah, esoterismo , qliphoth , magia , ocultismo , celtas , força , wicca , verdade , ocultismo, occultismo, alquimia, sol, lua, astrologia, planetas, filosofia, sabedoria, busca, conhecimento, astrum argentum, arcanum arcanorum, hermetismo, religiões, cura, candomblé, umbanda, exu, orixás, anjos, demônios, deuses, forças da natureza, judeus, cristãos, Cristo, fogo, água, terra, ar, yin, yang, existencia, daemon, goetia, luz, escuridão, opostos, darkness, light, sun, moon, angels, michael, gabriel, rafael, adonai, mente, estudo, ciencia, meditação, force, grimoire, sabaoth,cernunos, mabon, graal, calice, arthur,artur,hermes,hermetico, alquimia, alchemy, pedra, filosofal, arcano, eliphas, levi, saint germain, fraternidade branca, sociedade teosifica, yggdrasil,ayahuasca, plantas de poder, Runas, rune, power, poder, hebraico, grego, grecia, roma, igreja
Malklord
Malklord
Admin

Mensagens : 330
Data de inscrição : 15/08/2014

http://aemaeth.forumeiros.com

Voltar ao Topo Ir em baixo

Sistemas Mágicos de Escrita Empty Re: Sistemas Mágicos de Escrita

Mensagem por Malklord em Dom Fev 12, 2017 5:02 pm

Alfabeto Angelical

Sistemas Mágicos de Escrita 6_iyik27Omt76x52gD00-lsBbmZnFa5Vki2gIiPvfgy1dhxJeXFX9ssubR_bjabpnV3rDLGzuKa9mmvYZr9J-CE5DCoBpnVQh6-eYZ9VwYBdoSLcaRxfKqjL36fTLTBdU90-KQHsy6uI5vydZ-zPiKuKqDled5OALU4UJH61jatnOpMW18ZXBJkVKL8K0feA6laMkkgaEQTiTXo4B5Tq6xc5f9_UIff0yhzWJe8zPkhqCdIiUA4tJqp42A358gUm-HLbMFaaLLVZGgIZ3IAYa3oo2QF8PNPW8aJLsHxqtitLwWGXlxEw9Ciz3PR-Du0O-Lt3wj5xphtwCLjz4ayzPJxdWk9yWpur_BssUwxsApp3T7B8QcjfKpiQT6f0RtTFnjX-0zYAUapjN8l0s9BmZ0UqkgJuQBVRFB9K6MkfYJytJvQCg7vMlXa8suVyOH482fMBmZa8snLzHI5cwiIL3knujhTO1TeU0CC6Q293eVYmXyGLMN4QhKxW5dN9GU-Eo6t3hcyMzrrivIeBn__xqSBunxb7JmKVHkgEbbI-tUyCcjagTeAGcOPYn20lL_Br7k9hZWFA4dxxx43_RPb_ePOhZqz6OFgN06lhcHd3Zz5e_yTQjN5Z=w504-h700-no

_________________
Malklord:: M.'.I.'.P.'.A.'.

Ominia in Unum

kabbalah, esoterismo , qliphoth , magia , ocultismo , celtas , força , wicca , verdade , ocultismo, occultismo, alquimia, sol, lua, astrologia, planetas, filosofia, sabedoria, busca, conhecimento, astrum argentum, arcanum arcanorum, hermetismo, religiões, cura, candomblé, umbanda, exu, orixás, anjos, demônios, deuses, forças da natureza, judeus, cristãos, Cristo, fogo, água, terra, ar, yin, yang, existencia, daemon, goetia, luz, escuridão, opostos, darkness, light, sun, moon, angels, michael, gabriel, rafael, adonai, mente, estudo, ciencia, meditação, force, grimoire, sabaoth,cernunos, mabon, graal, calice, arthur,artur,hermes,hermetico, alquimia, alchemy, pedra, filosofal, arcano, eliphas, levi, saint germain, fraternidade branca, sociedade teosifica, yggdrasil,ayahuasca, plantas de poder, Runas, rune, power, poder, hebraico, grego, grecia, roma, igreja
Malklord
Malklord
Admin

Mensagens : 330
Data de inscrição : 15/08/2014

http://aemaeth.forumeiros.com

Voltar ao Topo Ir em baixo

Sistemas Mágicos de Escrita Empty Re: Sistemas Mágicos de Escrita

Mensagem por Malklord em Dom Fev 12, 2017 5:06 pm

Egípcio

Sistemas Mágicos de Escrita BgapwDtblNnCrIQv1KKWZI4E_CF1RbB85yU2wWODYOaLHSUYxYfz5_jEaPbMzMIBdm_fgVTsQchoOiWkYmX6wvfTEp3zO34WSnnERgabXy5X9G4kn5JeHebhVBNQ_gyN_UIvMI25DstH9_ewLHvmWuUEVQZESvrrVpO_gdHPA1ZqEPxUhU6NqvJ7RlLSdYoYMSrRYW9SxFGNled-DMkta3gsNNydGThwdgPqyRx14tSzxoTFx9MkJdyzdDyYmdfKysSvSR-rIv1Vjvq8X5LZkUilSUPm4b_gGig2M6s6qK274HMrtcV_SNTUOZ8ij9Yh8cmbMsWyPRQLJMm7ToB50YsmfwsQzB4V4Z-DQftLrVcXBwggum_BadXGtbkQn9gY7Bt3AwGoCClWT0ZFRoWiolza4tbiAHbgIhw76XTJZE96UegMxAntmCwJ_R7GPa3OhWs5Qpjv3vpg69jxPMmhddkx-zIvrtpw1wTgiHWzTT2_YXeUndx1hFxA5WPOhMsJlgjm46JSQ94r_9ACd9FmHbe4C4K1npGRewRZyNIjYZZ2RstGo4PzhxuuljcL92qnTj-iJEa_h3NkX7jOkKCEedX9FeVOJ0pcXxcTVV2RjgtwBFSx=w525-h700-no

_________________
Malklord:: M.'.I.'.P.'.A.'.

Ominia in Unum

kabbalah, esoterismo , qliphoth , magia , ocultismo , celtas , força , wicca , verdade , ocultismo, occultismo, alquimia, sol, lua, astrologia, planetas, filosofia, sabedoria, busca, conhecimento, astrum argentum, arcanum arcanorum, hermetismo, religiões, cura, candomblé, umbanda, exu, orixás, anjos, demônios, deuses, forças da natureza, judeus, cristãos, Cristo, fogo, água, terra, ar, yin, yang, existencia, daemon, goetia, luz, escuridão, opostos, darkness, light, sun, moon, angels, michael, gabriel, rafael, adonai, mente, estudo, ciencia, meditação, force, grimoire, sabaoth,cernunos, mabon, graal, calice, arthur,artur,hermes,hermetico, alquimia, alchemy, pedra, filosofal, arcano, eliphas, levi, saint germain, fraternidade branca, sociedade teosifica, yggdrasil,ayahuasca, plantas de poder, Runas, rune, power, poder, hebraico, grego, grecia, roma, igreja
Malklord
Malklord
Admin

Mensagens : 330
Data de inscrição : 15/08/2014

http://aemaeth.forumeiros.com

Voltar ao Topo Ir em baixo

Sistemas Mágicos de Escrita Empty Re: Sistemas Mágicos de Escrita

Mensagem por Neo em Seg Abr 03, 2017 12:01 am

Alfabeto Babilônico

Sistemas Mágicos de Escrita Alfabeto+Babilonico
Neo
Neo
Discípulo do Primórdio

Mensagens : 215
Data de inscrição : 05/03/2015
Localização : Salvador - BA

Voltar ao Topo Ir em baixo

Sistemas Mágicos de Escrita Empty Re: Sistemas Mágicos de Escrita

Mensagem por Aarin Federleicht em Sex Maio 01, 2020 6:04 pm

OGHAM

Sistemas Mágicos de Escrita Ogham212

O que é usualmente conhecido como Ogham é um alfabeto Irlandês geralmente divido entre os Ogham Ortodoxo (séculos IV a VI) e Ogham Escolástico (séculos VI ao IX). O primeiro é encontrado, em sua grande maioria, entalhado em pedras registrando nomes e títulos, servindo como lápide, cenotáfio ou marcador de propriedade e escrito em Irlandês Arcaico ou Picta. O segundo é usado para a escrita do Irlandês Antigo, servindo notavelmente como criptografia a outros alfabetos (especialmente o latim), e inclui o forfeda, uma família adicional de letras para acomodar sons de idiomas estrangeiros. É escrito horizontalmente da esquerda para a direita ou verticalmente de baixo para cima.
Ogham na verdade se refere à forma das letras e escrita. O nome do coletivo e letras é Beith-luis-nin.
Segundo o manuscrito In Lebor Ogaim (séc. XIV), o Ogham foi inventado por Ogma, um Thuatha Dé Danann.
Estudiosos medievais acreditavam que cada letra do Ogham estava associada a uma árvore, mas estudiosos modernos desbancaram tal tese. Apenas oito das letras de fato têm relação com alguma planta. Ainda assim esse modo de escrita ainda é conhecido como “alfabeto das árvores”.
Existem três modelos de kennings associados às letras do Ogham chamados de Bríatharogam (Ogham palavreado), que são os Morainn mac Moín, Maic ind Óc, e Con Culainn. Os dois primeiros estão em todas as cópas originais do In Lebor Ogaim, enquanto o último aparece nos manuscritos entre os séc. XVI e XVII. O alfabeto é divido em quatro famílias (aicme) de cinco letras cada (aicmes Beith, hÚatha, Muine e Ailme).
As letras com os significados de seus nomes, árvores associadas e seus respectivos kennings são como segue:

 -B – Beith – Bétula
- MmM: Pé seco com pelos finos
- MiO: Da mais cinza pele
- CC: Beleza da sobrancelha
- Planta: A Bétula Branca ou Vidoeiro Prateado (Betula Pendula) é o tipo mais comum de bétula em quase toda a Europa. Ela cresce até 30 metros e é mais comumente encontrada em aglomerados em terrenos arenosos. É uma das primeiras plantas a colonizarem uma área depois que uma floresta madura é cortada; esta é provavelmente grande parte do simbolismo associado com novos começos. Não vive muito e costuma sucumbir próximo aos 70 anos ou ser atacada por fungos, mas oferecem proteção a árvores de crescimento lento como os Carvalhos e tem um papel importante em regenerar vegetações. É cultivada na América do Norte geralmente sobe nome de Bétula Chorona. Seus amentos aparecem no começo a primavera e liberam seu pólen em nuvens no começo de Abril. As folhas aparecem logo depois com uma coloração esmeralda forte, se tornando amarelas no outono.
A Betula Pubescens é quase tão comum quanto a Pendula, mas cresce primariamente em solos ácidos ou turfosos. Pode chegar a 20 metros.
As duas variações têm farta produção de seiva e um tronco cortado pode “sangrar” por semanas. A seiva é usada na produção de vinho de bétula, em preparados para tratar irritações de pele e em misturas de xarope de bordo para aliviar dores abominais.
No Samhain, galhos de Bétula eram usados para espantar maus espíritos. Vassouras eram feitas dessa árvore para purificar o jardim. As míticas vassouras de bruxa eram provavelmente feitas de sua madeira e usada em ritos xamânicos possivelmente após o consumo do cogumelo Amanita Muscaria que cresce em florestas de Bétula. Berços eram tradicionalmente feitos da madeira dessa árvore.

 - L – Luis – Chama ou Erva – Sorbus/“Freixo-da-montanha”
- MmM: Brilho dos olhos
- MiO: Amigo do rebanho
- CC: Sustento do rebanho
- Planta: As frutas vermelhas do Sorbus (Sorbus Aucuparia) eram historicamente usadas para atrair aves para armadilhas e seu epiteto “aucuparia” vem das palavras que significam “capturar uma ave”. Aves também são responsáveis por dispersar suas sementes. Sorbus vivem em solos pobres e colonizam áreas reviradas. Em algumas partes da Europa elas são mais comuns ao redor de antigos assentamentos, seja por terem uma natureza de mato ou por terem sido plantadas. Florescem em Maio. Crescem até 15 metros e são membros da família Rosaceae. São cultivados na América do norte, especialmente no nordeste.
No Reino Unido são tradicionalmente usadas como proteção, sejam seus galhos, suas mudas ou seus fruto (que apresentam uma estrela de cinco pontas na parte de baixo).

- F- Fern – Alnus/Amieiro
- MmM: Vanguarda de guerreiros
- MiO: Recipiente de leite
- CC: Proteção do coração
- Planta: O Amieiro (Alnus Glutinosa) é comum ao longo dos rios de planícies, onde cresce junto com Álamos e Sabugueiros. Como os Salgueiros, o Amieiro brota dos tocos, permitindo que se regenerem após grandes inundações. Em áreas protegias, podem crescer até 20 metros. Essa espécie também é comum em montanhas da Europa, e não está restrita a solos úmidos. Quando não cresce no curso de rios, pode crescer em áreas pantanosas. Diz-se que a madeira do Amieiro resiste ao apodrecimento, quando molhada adquire uma cor escura e grande resistência, e era escolhida para construção de estruturas na água, como píeres.
Sua casca contem o anti-inflamatório salicina. Alguns americanos nativos usavam Amieiro Vermelho (Alnus Rubra) para tratar intoxicação com Carvalho Venenoso, picadas de inseto e irritações de pele. Os Blackfeet usavam uma infusão dessa planta para tratar problemas do sistema linfático e tuberculose.
Pelo lugar onde crescem (pântanos), os celtas associavam a árvore com o escondido, com a possibilidade de se esconder. Também era sinal de má sorte passar por uma delas no caminho. Sua madeira viva é pálida, mas fica alaranjada com uma seiva vermelha quando cortada o que faz parecer que está sangrando.

- S – Sail – Salgueiro
- MmM: Palidez de alguém sem vida
- MiO: Sustento das abelhas
- CC: Início do mel
- Planta: Duas espécies comuns de Salgueiro são o “Branco” (Salix Alba) e o “Quebrado” (Salix Fragilis). O Alba tem esse nome pela cor esbranquiçada na parte de baixo de suas folhas, enquanto o Fragilis recebeu o nome pela propensão de seus galhos em se partir. As duas espécies podem chegar a 25 metros de altura e brotam dos tocos. Outras espécies de Salgueiro são arbustos como o Salix Purpurea e Salix Viminalis que crescem ao longo de correntes d’água e Salgueiros Olherudos (Salix Aurita) de solos ácidos e pantanosos.
É uma planta nectarífera. Sua madeira é usada como lenha e seus galhos jovens são usados para fazer cestas e trabalhos de vime. Para os gregos, o Salgueiro estava associado à lua e a Hecate, deusa tripla ligada à magia, ao conhecimento, à luz, à salvação. Sua grande facilidade em brotar de qualquer galho colocado na terra é usado como alusão ao renascimento e imortalidade.

- N – Nin – Forquilha de galho – Freixo
- MmM: Estabelecedor da paz
- MiO: Ostentador de mulheres
- CC: Ostentador de beleza
- Planta: O Freixo comum (Fraxinus Excelsior) é uma das principais árvore das florestas de planícies em grande parte da Europa, junto com os Carvalhos e as Faias. Cresce até 40 metros em áreas abertas. O Freixo era e continua sendo uma árvore importante como madeira e é material tradicional na confecção de vassouras.
O Freixo era a árvore dos mundos Yggdrasil dos Vinkings e tinha papel central em sua mitologia. O sacrifício de Odin, por exemplo, foi feito nela. Em suas raízes estão os poços das nornas, o de Hvergelmir e o de Mimir. Os primeiros homens e mulher foram feitos do Freixo por Odin.
Três das cinco árvores protetoras da Irlanda eram Freixos. Acreditava-se que elas eram protetoras dos poços e, na Ilha de Man, que elas purificavam as águas das fontes.
No folclore britânico o Freixo era associado a propriedades de cura, especialmente de bebês, a quem eram dadas uma colherada de seiva de Freixo quando recém-nascidos. Aqueles adoentados ou com membros fracos eram passados através de uma fenda feita na árvore para esse propósito, e a fenda fechada depois disso. A partir daí a saúde da pessoa ficava associada à da árvore e as pessoas cuidavam muito bem de seus Freixos.
Sua madeira é forte e elástica e valorizada por isso. É um material comum na confecção de bengalas por sua resistência ao choque.

- H – hÚath – Medo – Espinheiro Branco
- MmM: Reunião de matilha de cães de caça
- MiO: Empalidecimento das faces
- CC: Mais difícil à noite
- Planta: Como os Salgueiros, os Espinheiros Brancos têm várias espécies na Europa. Todas são arbustos espinhentos da família Rosaceae e a maioria têm flores brancas ou rosadas. O Pilriteiro (Crataegus Monogyna) e o Espinheiro Branco (Crataegus Laevigata) são muito comuns em terrenos abandonados nas bordas de florestas. Cresce de 8 a 12 metros com copa densa.
Os arbustos de Espinheiro Brancos eram tidos como habitações ou protegidos das fadas na Escócia, e ninguém podia lhes causar dano sem ser alvo da ira desse povo. É conhecida como a “árvore de Maio” e suas flores as “flores de Maio”. Os “ramos de Maio” eram colocados do lado de fora da casa e decorados com flores eram dessa planta. Levar a planta para dentro casa, no entanto, é tabu e acredita-se que pode causar doença e morte. Sabe-se hoje que as flores de Espinheiro Branco têm Trimetilamina, a substância responsável pelo odor de tecidos em decomposição. A associação pode estar no fato de que corpos eram velados em casa e não existia embalsamamento.
Ainda assim as folhas e frutos são comestíveis e eram consumidas, servindo para fazer geleia e vinhos. A madeira era usada para fazer cabos de pequenos objetos. Seu uso mais comum era como cerca viva.

- D – Dair – Carvalho
- MmM: Mais alta árvore
- MiO: Criação de um artesão/artista
- CC: Mais ornado dos artesanatos/arte
- Planta: O Carvalho dos mitos e lendas é o Carvalho Comum (Quercus Robus). As vezes é chamado de Grande Carvalho. A raiz latina de seu nome (Robus) é a mesma da palavra “robustez”. Cresce até 45 metros, junto com o Freixo e as Faias em florestas de planícies, e vive até 800 anos. Junto com os Freixos, sua madeira foi muito utilizada através dos tempos, e os Carvalhos gigantes na Europa são apenas lembranças vagas de suas florestas. É uma planta caducifólia, perdendo as folhas antes do Samhain e recuperando-as na primavera, estando totalmente recuperada no Beltane.
Uma boa produção de bolotas predizia uma boa colheita, e a queda em massa delas predizia um inverno severo.
Era uma árvore divina associada a Dagda e ao nível de iniciação de Druida (que deriva seu nome a palavra gaélica para Carvalho, Duir). Altamente propensa a receber raios, seja por sua baixa resistência elétrica ou sua grande altura. O Mistletoe, planta também sagrada, parasita o carvalho e sua união também é vista como sagrada. Os bosques de carvalho eram verdadeiros templos druídicos.

 - T – Tinne – Barra de ferro – Azevinho
- MmM: Uma das três partes da roda
- MiO: Tutano do carvão
- CC: Uma das três partes de uma arma
- Planta: O Azevinho (Ilex Aquifolium) é um arbusto sempre-verde que cresce até 10 centímetros em florestas nas bordas de clareiras e se destacam no inverno entre os galhos nus das árvores que os cercam. Dão frutos vermelhos no Samhain que alimentam aves.
Alguns autores acreditam que o Tinne original era na verdade o “Azevinho Carvalho” (Holly Oak, Quercus Ilex), um tipo de Carvalho sempre-verde que chega a 25 centímetros e tem folhas com pontas parecidas com o Azevinho.
Azevinhos eram postos dentro de casa para afastar fadas ou impedir que elas fizessem mal a seus habitantes. Suas folhas não eram cortadas ao se podar árvores e, em cercas vivas, acreditava-se que suas folhas impediam a aproximação de bruxas que corriam sobre tais cercas.
Outra crença era a de que o Rei Azevinho reinava entre o verão e o inverno, enquanto o Rei Carvalho reinava na outra metade do ano. Acreditava-se que o Azevinho protegia de raios e por isso era plantado ao redor das casas.

 - C – Coll – Avelaneira
- MmM: Melhor das árvores
- MiO: Amigo das cascas de noz
- CC: Mais doce das árvores
- Planta: A Avelaneira (Corylus Avellana) é a árvore do avelã. Forma um arbusto de até 6 metros, povoando bosques, cercas vivas e bordas de florestas. Vive entre 50 e 60 anos e uma árvore só pode ser polinizada por outra. Um bastão de Avelaneira, que resulta da talhadia, pode ser partido e dobrado sem se quebrar e eram usados para fazer tiras de Avelaneira pra vime e para fazer treliças usadas em construções de pau-a-pique. Seus frutos são importantes fontes de alimentos para esquilos, pica-paus, arganazes e ratos.
Seu bastão também era um favorito para confecção de báculos para os Druidas, assim como bengalas. Seus frutos eram uma boa fonte de proteína e, moídos, eram misturados à farinha para fazer pão. Forquilhas de Avelaneira eram usados por adivinhos especialmente para encontrar água. Suas folhas são algumas das primeiras a aparecer na primavera e eram dadas aos rebanhos como forragem.
Nas lendas, o Avelã é considerado a sabedoria e inspiração poética condensados. A palavra em gaélico para Avelã é “cno” e a para sabedoria é 'cnocach", sugerindo uma relação etimológica. Esta árvore é central na lenda de Fionn Mac Cumhail.

 - Q – Cert – Arbusto ou Trapo – Macieira
- MmM: Abrigo de um lunático
- MiO: Essência de uma pessoa insignificante
- CC: Trapos de pano
- Planta: A Maciereia das lendas provavelmente era a Malus Sylvestris, uma versão menor e de frutos mais amargos que a variação comum hoje em dia, a Malus Domestica. Faz parte da família Rosaceae. Seu fruto, quando cortado ao meio, apresenta uma estrela e cinco pontas no interior.
Era também uma das Árvores das quais se faziam os báculos dos Druidas. Aparece em diversas lendas como símbolo de imortalidade. A Avalon arturiana é conhecida como “A Ilha das Maçãs” (aball ou avallen(n) em Bretão antigo) e sua natureza “de outro mundo” está provavelmente ligada à ilha Emain Ablach (Emain das Maçãs), ilha governada por Manannán Mac Lir, divindade do oceano e síd, o outro mundo, que escondia e revelava do síd com sua névoa. Foi em Emain Ablach que os Thuatha Dé Danann partiram após a ultima conquista da Irlanda.

- M – Muin – Pescoço ou Artimanha ou Amor (a palavra de origem é um homônimo a esses significados) – Videira
- MmM: Mais forte dos esforços
- MiO: Provérbio do abate
- CC: Caminho da voz
- Planta: A Videira (Vitis Vinifera) é uma planta que cresce até 35 metros nas bordas de florestas e bosques. Vinotonos possivelmente é a divindade associada a esta planta.

- G – Gort – Campo – Hera
- MmM: Mais doce da relva
- MiO: Lugar adequado para vacas
- CC: Saciedade das multidões
- Planta: A Hera (Hedera Helix) também é uma trepadeira que cresce até 30 metros em florestas de Faias e ao redor de habitações humanas onde é largamente plantada como cobertura para o chão. A Hera produz flores esverdeadas antes do Samhain. Como o Azevinho, a Hera é sempre-verde, chamando atenção na vegetação nua do inverno.


- NG – nGéadal – Abate – Caniço
- MmM: Sustento da sanguessuga
- MiO: Veste dos médicos
- CC: Início do abate
- Planta: A Phragmites Australis é um tipo de capim gigante com caules de até 4 metros. Cresce em áreas úmidas como pântanos onde geralmente formam grupos densos. Seus caules vivem no máximo um ano, morrendo no outono e sendo reposto na primavera. Os caules mortos chocalham e assoviam com o vento no fim do outono.

 - Z – Straif – Enxofre – Abrunheiro
- MmM: Vermelho forte (tintura)
- MiO: Aumento dos segredos
- CC: Busca das nuvens
- Planta: A Prunus Spinosa é um arbusto espinhoso que cresce até 4 metros e dá como fruto o abrunho. Seu fruto é comestível, mas azedo e só fica doce após uma forte geada. Isso o associa com a ideia de que bons frutos vêm de enfrentar as adversidades. É uma planta que floresce quando está sem folhas. Diz-se que o bastão de Cailleach, a Rainha do Inverno, é feito de Abrunheiro e é com ele que ela traz o inverno. Também acredita-se que a palavra “strife” que significa “contenda” em Inglês, tem origem nesta palavra do Gaélico.

- R – Ruis – Vermelho – Sabugueiro
- MmM: Mais intenso rubor
- MiO: Vermelhidão das faces
- CC: Brilho da raiva
- Planta: O Sabugueiro Comum (Sambucus Nigra) é um arbusto que cresce até 10 metros em clareiras úmidas nas bordas das florestas e perto de habitações. Sabugueiros são cultivados por seus frutos negros que são usados como conservantes e para fazer vinho. As cicatrizes de folha têm formato de lua crescente. O miolo de seus galhos é mole como a medula em ossos e pode ser facilmente removido, o que lhe faz um bom material para instrumentos de sopro.
O lugar mias propício para encontrar o povo das fadas era sob um Sabugueiro no solstício de verão quando o Rei e a Rainha das fadas podiam ser vistos passando.
Era plantada nos fundos da casa, em oposição ao Sorbus que ficava na frente, para espantas espíritos ruins. O aroma de suas folhas serve como repelente para moscas, e aí pode estar a associação com a proteção que oferecia às cozinhas. Ramos eram colocados em portas de estábulos e celeiros, e as roupas para trabalhar nesses lugares eram secas sobre Sabugueiros, o que pode ter ajudado na higiene de tais lugares. Acreditava-se que as folhas do Sabugueiro impediam o leite de estragar.

- A – Ailm – Pinheiro
- MmM: Mais alto gemido
- MiO: Início de uma resposta
- CC: Início de um chamado
- Planta: O Pinheiro/Abeto Prateado (Abies Alba) é uma das árvores mais altas nativas da Europa, as vezes crescendo até 50 metros. Seu nome deriva de seu tronco acinzentado. Por sua aparência e uso era a árvore do Yule por excelência. Não é uma árvore das regiões nortenhas, se concentrando no centro da Europa e sendo substituído por outras espécies no Norte. Como a maioria das coníferas é uma sempre-verde e como outros Pinheiros produz cones que se desfazem ainda na árvore.
Ao norte há o Pinheiro-da-Escócia (Pinus Sylvestris). Produz bastante resina, o que a protege de parasitas e fungos, e costuma prender animais desavisados, preservando-os congelados no tempo. Sua madeira era usada principalmente na confecção de barcos.
Fogueiras de Pinheiro eram acessas no solstício de inverno. Clareiras em florestas de pinheiros eram decoradas com luzes e objetos brilhantes, e estrelas eram penduradas nas árvores representado a Luz Divina.
Um tema recorrente no folclore irlandês é o uso do Pinheiro como ponto de referência ou marcadores da paisagem. Nas Terras Altas é recorrente a ideia de que eles marcavam os túmulos de guerreiros, heróis e chefes de clãs. Mais ao sul, marcavam milheiros, trilhas e estradas. Na Inglaterra eles eram usados para marcar não apenas trilhas para pastores, mas também a proximidade de prados onde eles poderiam passar a noite.

- O – Onn – Freixo (significado do nome) – Tojo
- MmM: O que machuca cavalos
- MiO: Mais suave dos artesanatos/artes
- CC: Equipamento do bando de guerreiros
- Planta: O Tojo (Ulex Europaeus) é um arbusto espinhento que cresce até 2 metros. Cresce em brejos, pastos e bosques abertos. Produz flores amarelo-claras perto do equinócio de primavera.  São um tipo de sempre-verde e, aparentemente, não apenas resistem a queimaduras como se beneficiam delas, aumentando sua rede de raízes e ajudando na germinação das sementes.

- U – Úr – Terra – Urze
- MmM: Em lugares frios
- MiO: Propagação das plantas
- CC: Mortalha do sem vida
- Planta: O Urze (Calluna Vulgaris) é um arbusto que cresce até 2 metros. É o maior componente da vegetação o tipo “heath”, a origem do termo “heathen” (inglês para “pagão”). É uma sempre-verde e produz flores violeta no fim do verão.

- E – Eadhadh – Álamo Trêmulo
- MmM: Árvore sagaz
- MiO: Troca de amigos
- CC: Irmão da bétula
- Planta: O Álamo Trêmulo (Populus Tremula) cresce até 20 metros ao longo de rios e como vegetação pioneira depois de incêndios ou desflorestamento.
“Aspis”, o nome grego para o Álamo, significa “escudo” e sua madeira leve era realmente preferida pelos celtas para fazer escudos. Tais escudos eram mais que proteção física, tendo poderes mágicos e psíquicos de proteção.
Coroas e Álamo eram dadas aos heróis para que eles viajassem ao “outro mundo” e voltassem com segurança. Alguns foram enterrados com tais coroas, talvez para que pudessem retornar.
Suas folhas, pelo formato e cor, parecem tremer na briza e fazem um barulho característico de sussurro. Acreditava-se que colocar uma de suas folhas sob a língua tornava a pessoa eloquente, um presente da Rainha das Fadas. Era tabu construir casas, varas de pescar ou instrumentos agrícolas com sua madeira, talvez por sua ligação com o povo das fadas, como outras árvores.
Era usada para fazer remos, por ser uma madeira macia e leve. Apesar de não ser ideal para construção, por sua maciez, a madeira de Álamo as vezes era usada como assoalho como medida de segurança, uma vez que não queima facilmente.

 - I – Iodhadh – Teixo
- MmM: Mais antiga das árvores
- MiO: Melhor dos antigos
- CC: Energia de um enfermo
- Planta: O Teixo (Taxus Baccata) é uma conífera de crescimento lento, vivendo até 1000 anos e chegando a 20 metros.
Aproximadamente no centro da Escócia cresce a árvore mais velha do país e possivelmente do continente. O Teixo de Fortingall tem idade estimada de 2000 anos.
Era mais uma árvore sagrada dos Druidas, tanto por sua longevidade quanto por sua capacidade de se regenerar, pois seus galhos que caem criam raízes e se tornarem novas árvores. A toxicidade de seus espinhos pode ser fatal, o que aumentava sua associação com os temas da vida e da morte. Apesar da toxicidade, extratos de Teixo são usados na homeopatia para tratar cistites e dores de cabeça.
Arcos longos eram tradicionalmente feitos de Teixo por causa de sua madeira dura e resistente.


https://www.cpp.edu/~jcclark/ogham/index.html

https://treesforlife.org.uk/

https://eol.org/

http://www.coford.ie/media/coford/content/publications/projectreports/cofordconnects/Alder-reprod.pdf

http://www.groamhouse.org.uk/index.asp?pageid=533105

https://en.wikipedia.org/

https://www.ancienttexts.org/library/celtic/ctexts/ogham.html

http://www.evertype.com/standards/og/ogmharc.html

_________________
O propósito do Guerreiro é a paz.
Aarin Federleicht
Aarin Federleicht
Neófito

Mensagens : 89
Data de inscrição : 21/02/2015
Idade : 28
Localização : Salvador

Voltar ao Topo Ir em baixo

Sistemas Mágicos de Escrita Empty Re: Sistemas Mágicos de Escrita

Mensagem por Conteúdo patrocinado


Conteúdo patrocinado


Voltar ao Topo Ir em baixo

Voltar ao Topo


 
Permissão deste fórum:
Você não pode responder aos tópicos neste fórum